Login do usuário

Aramis

Artigos por data (1977 - Março)

O encontro do choro

O governador Antonio Carlos Konder Reis, de Santa Catarina, mergulhado numa crise política que lhe vem tirando o sono há duas semanas - não pode apreciar, como deveria, um excelente idéia que lhe foi levada pelo jornalista Ilmar de Carvalho e com isso Florianópolis perde a chance de sediar um dos mais originais eventos musicais do ano: O I Encontro Nacional do Choro.

O terminal de Wypych

Roberto Wypych, 52 anos, ex-deputado estadual e há 2 anos presidente da mais poderosa cooperativa central do Estado - a Cotriguaçu, de Cascavel, está tendo uma semana movimentada: passou o sábado revisando o discurso que fará na sexta-feira, em Paranaguá, quando o presidente Ernesto Geisel, inaugurará o terminal graneleiro da cooperativa. Domingo viajou para São Paulo, onde irá estudar sua filha caçula e hoje retorna para ultimar os últimos detalhes da obra, iniciada há dois anos e na qual foram investidos Cr$ 80 milhões.

A temporada que inicia

Depois de três meses de inatividade artística, a temporada começa a movimentar-se: hoje à noite, 100 belas vozes que integram o grupo " The Centurymen", dos Estados Unidos, estarão no auditório Bento Munhoz da Rocha Neto, apresentando um espetáculo que inclui desde músicas folclóricas até peças de Bach, e Grofé.

Neste show, uma ocasião para descobrir por que "nem só de Gardel vive a música latino - americana".

O sucesso de "Uma Noite em Buenos Aires", em 1976, foi tanto, que outros espetáculos na mesma linha de apresentar ao público brasileiro um painel da "noite porteña" teriam que acontecer.

Nem só de Gardel vive a música latino - americana

Nunca os brasileiros visitaram tanto um país como a Argentina nestes últimos anos. A desvalorização do peso e as facilidades oferecidas aos turistas brasileiros transformaram, até há pouco, Buenos Aires no roteiro predileto da classe média brasileira, desnumbrada com as lojas de Calle Flórida, os teatros, os cinemas e principalmente, a noite porteña - o luxuoso Michelangelo, o agradável caño 14 ou o simpático El viejo Almacën, além do sofisticado - e caro - Karinas, para só citar os endereços mais famosos do roteiro turistico de Buenos Aires.

A briga (parlamentar) continua

Encerrada a luta de foice pela eleição da nova mesa diretoria da Assembléia Legislativa, começa agora a guerrinha interna em disputa pelos cargos de diretorias, enquanto que no setor legislativo , as lideranças passam a escolher os nomes paras as comissões. O jornalista Fausto Luiz Abry deverá substituir ao sr. José Maria Zanardin na direção - geral da Assembléia enquanto que as duas diretorias indicadas pelo MDB , há 2 anos passados - administrativas (jornalista Enio Malheiros), também podem sofrer modificações.

O (futuro) vice-magnífico

Anotem e confiram dentro de algumas semanas : o novo reitor da Universidade Federal do Paraná é, todos sabem nestas alturas, o professor Euro Brandão , atual secretário-geral do Ministério da Educação e Cultura. E, para vice-reitor , é praticamente certa a escolha do professor Miroslau Baranski, do Setor de Ciências da Saúde .

Quem tem medo de Eiseinstein?

Na quente noite de sábado, na falta de melhor programa, um grupo de pessoas reunidas numa mansão em bairro elegante da cidade, procurou no antigo jogo da mímica a melhor forma para passar as horas. O jogo é simples: um grupo tenta interpretar por mímica o título de filmes (os nomes de música ou livros) propostas, em papel, por outro grupo. Uma jovem intelectualizada, sugeriu o título do filme "Alexandre Nevsky", realizado em 1938 pelo cineasta russo Sergei Mikdilevitch Eiseinstein (1898 - 1948) .

Super 8 & HQ

O publicitário, desenhista e agora professor de cinema em Super 8, Carlos Sampaio, passou a semana em Curitiba, promovendo o seu mais novo lançamento : "Super 8 e Quadrinhos", já no numero dois e dedicado a uma faixa específica do mercado jovem.

A erótica santidade de Iwersen

Exibida em público, até agora, numa única vez (há 2 semanas, na sala de exibição Arnaldo Fontana do Museu Guido Viaro), o média-metragem "A Santidade do Prazer" do cineasta curitibano José Augusto Iwersen, já começa provocar polêmicas. Francisco Alves dos Santos, 29 anos, ex-seminarista, programador daquela sala, em artigo no semanário "Voz do Paraná" fez uma crítica que, evidentemente, entristeceu a Iwersen, acostumado até agora a ser saudado sempre com palavras de incentivos.

Tratores & Carros

Pela própria característica de ser (ainda) um Estado com economia essencialmente agrícola, os revendedores de tratores, espalhados pelo Interior, estão preocupados com a situação negra que vivemos neste momento. As vendas caíram de forma impressionante - apesar da próspera safra que se avizinha, e as fábricas reduziram o movimento de 47,2% em relação a igual período do ano passado. A situação do setor, a médio prazo é, no entanto, menos nebulosa do que a dos fabricantes de veículos.

Os Conselhos de Trajano

O deputado Trajano Bastos, líder da bancada do MDB na Assembléia Legislativa, estréia esta semana como colaborador do semanário "Movimento". Na página 8, foi aproveitado o texto "Os prefeitos e as tarefas democráticas", originalmente apresentado por Trajano no primeiro encontro de prefeitos eleitos pelo MDB .

Apesar da crise...

Já estão profundas as escavações no terreno que forma um triângulo entre as ruas Júlia Wanderley, Brigadeiro Franco e Avenida Manoel Ribas, no Alto das Mercês. Numa área privilegiada, a HD Construções vai construir o Parque das Graças, um prédio sofisticado e que, no mínimo, oferecerá uma linda visão da cidade aos seus moradores.

Tangueiros aderem ao samba

O elenco de "Tangos Para o Brasil" acabou esquecendo a música porteña e caindo no samba, quarta-feira à noite, durante o jantar no restaurante San Genaro, no caminho de Santa Felicidade. Apesar da mediocridade do conjunto musical que ali se apresentam, os famosos nomes da noite de Buenos Aires, que estão na cidade apresentando o musical espetáculo no Guairão, entusiasmaram-se e dançaram bastante. Às 23:00 horas, entretanto, a bela Patrícia Grandinetti, que na ausência de seu irmão, o produtor Horácio Amadeu, é quem dirige a companhia, deu o toque de recolher.

Uma grande mulher

A velha frase de "por trás de um grande homem existe sempre uma mulher admirável", confirma-se mais uma vez : o conselho deliberativo e fiscal do Instituto Cultural Brasileiro - Germânico Goethe Institut, reconheceu, oficialmente, o esforço que a professora Heidi Lied, vem fazendo para que a instituição, dirigida por seu marido, Helmut Lied, possa concretizar toda sua extensa programação.

Mulher I : Vera, a gravadora

O tempo de Rio de Janeiro , distante da fria Curitiba , não chegou a lhe modificar . Mas, amadureceu, cresceu e voltou mais experiente, sabendo melhor das coisas dos homens & do mundo. O aprendizado da vida se reflete em sua arte e das primeiras experiências, timidamente mostradas em exposição no Banco Nacional, ganhou salões maiores - Museu de Arte Moderna (1973/74) , Nacional de Arte Moderna ( 24º e 25º) , Bienal Nacional, São Paulo, além de sofisticadas mostras em galerias - Atelier e Intercontinental.

Deputados para 1978

Embora faltando quase 2 anos para as próximas eleições parlamentares já se nota uma movimentação de certos setores, interessados em promover lançamentos de alguns nomes capazes de, pela Arena ou MDB, conquistar uma cadeira na Assembléia Legislativa em 1978. O primeiro candidato da Arena que decidiu deflagrar seu esquema publicitário foi Erwin Bonkoski, proprietário das rádios Colombo e Cultura.

Mulher 2: Eliana, a cantora

O nome é simples como ela própria: Eliana da Praia. Morena, queimada pelo sol da praia de Canasvieras, SC, divide seu tempo entre burocráticas funções de secretária - executiva de poderoso grupo empresarial, curso de inglês, faculdade e - grande amor de sua vida - a música popular. Começou amadoristicamente, cantando em festinhas e reuniões informais. Depois passou a defender músicas de amigos, em festivais estudantis. Deu certo. Tanto é que todas as músicas por ela defendidas foram bem classificadas.

O mundo é um palco

Para os produtores e diretores de teatro que vivem se queixando da falta de bons textos de autores contemporâneos, eis uma dica: a professora Heidi Lied, do Goeth Institut, está traduzindo a peça "Mensch Meier (ainda sem título em português), do autor bávaro Franz Xaver Kroetz. Escrita entre agosto/ setembro do ano passado, tem toda sua ação numa sala de visitas, com um casal assistindo pela televisão a cerimônia do casamento do rei Gustavo, da Suécia, com a brasileira Silvia.

Nonô, o menino JK

Entre os muitos livros sobre o ex-presidente Juscelino Kubistcheck de Oliveira (1902-1976), um dos mais originais é o que está aparecendo agora, em modesto lançamento da Editora Comunicação , de Belo Horizonte: "Nonô, O Menino de Diamantina". Seu autor é um dos admirados escritores de livros infantis do Brasil, o Vovô Felício (Vicente de Paula Guimarães), 71 anos, mineiro de Cordisburgo, tio de João Guimarães - Rosa (1908-1967), a quem também dedicou um livro biográfico, em linguagem para crianças.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br