Login do usuário

Aramis

Artigos por data (1986 - Setembro)

"Cobra", o veneno contra a liberdade cinematográfica

Até às 17 horas de sexta-feira, 29, a decisão do sr. Alberto Salém, presidente da Warner Bross,no Brasil, era de que não aceitaria os cortes impostos pela Censura Federal para que "Cobra/Stallone" continuasse em exibição. Mas entre às 17 e 20 horas, alguma coisa mudou, pois às 21 horas, em Florianópolis, onde se encontrava em viagem de trabalho, João Aracheski, executivo da Fama Filmes, recebeu um telefonema dizendo que "Cobra" deveria continuar, mesmo com os cortes.

No campo de batalha

Nem um dos biógrafos da cantora e compositora Edith Piaf (1915-1963) falou em suas preferências alcoólicas, especialmente nas marcas de cerveja que ela gostava (embora na França, o vinho seja a bebida nacional). Mas para Bibi Ferreira, que há 4 anos encarnou a trágica artista francesa hoje, ao menos para uso externo, a sua bebida predileta é a Brahma. Se não a cerveja, ao menos o guaraná. Justifica-se: esta empresa é que está patrocinando a nova excursão de "Piaf" (auditório Bento Munhoz da Rocha Neto, de de 4 a 7, 21horas). xxx

Fundação não saiu e Faruk, frustado, deixa a Estadual

Quando retornar amanhã do Rio de Janeiro, o empresário Faruk El Khatib, 40 anos, deverá saber quem o governador João Elísio Ferraz de Campos (em viagem à URSS, há uma semana) decidiu indicar para substituí-lo na direção da Rádio Estadual do Paraná. Em caráter irrevogável, Faruk apresentou às vésperas da viagem de João Elísio o seu pedido de demissão da direção da emissora oficial do Estado, para a qual havia sido nomeado pelo seu grande amigo, o ex-governador José Richa, há quase dois anos.

Apolo agora é a Escala com música instrumental

A Rádio Estadual do Paraná está sem diretor. Há um novo prefixo no ar. A Fundação São Sebastião desistiu de implantar uma FM educativa em Curitiba. O grupo C.R. Almeida entra firme no meio radiofônico com dois prefixos.

Ítalo voltou, com poesia, 20 anos depois de Brecht

Uma coincidência que, por certo, nem o próprio Rossi (Ítalo Baibo Rossi de Fratti, São Paulo, 17/01/1931) se lembra: foi há exatamente 20 anos, em agosto de 1966, que esteve em Curitiba, numa estréia nacional da primeira superprodução dirigida por Flávio Rangel, na qual tinha um papel de destaque: era Matt em "O Sr. Puntilla e o seu criado Matt", de Bertolt Brecht. Agora, Ítalo está no Teatro do Paiol, ao lado de um dos seus melhores amigos, Walmor Chagas, 50 anos, num espetáculo que vem fazendo sucesso desde sua estréia: um recital de poemas de Fernando Pessoa (hoje a domingo, 21 horas).

O som harmonioso de Zé e Cláudio vem aí

Já houve uma época - lá pela incrementada década de 50 - que o jornalista Simão de Montalverne, fazendo a cobertura da noite carioca para o "Correio de Notícias", era uma das figuras mais populares dos meios musicais do Rio de Janeiro. Simpático, bem informado, bom profissional, Simão marcou época com seu trabalho e conserva daqueles anos dourados sólidas amizades e muitas estórias - algumas das quais, picantes e indiscretas, envolvendo gente famosa (especialmente cantoras e atrizes) que ele, cavalheirescamente, se recusa a comentar para a posteridade.

No campo de batalha

Ronald Simon, 39 anos, pernambucano do Recife, há 8 em Curitiba, expõe suas pinturas recentes na Galeria Banestado. Pintor de forte presença, foi definido por seu amigo Ennio Marques Ferreira como um artista "marcado por caráter quase agreste, sugerindo, dentro da abstração uma certa organização compositiva". xxx

"A Cor Púrpura", melhor lançamento da temporada

Afinal o ministro Paulo Brossard, da Justiça (?

A arte de Orthof, o pioneiro do out-door

Dono do maior arquivo sobre a história da publicidade no Brasil, Ney Alves de Souza, 45 anos, braço-direito de Eloy Zanetti na Umuarama, poderá acrescentar ao seu acervo um importante depoimento: o do pioneiro do out-door no Brasil, Geraldo Orthof, fundador da primeira agência especializada em propaganda externa em nosso país.

Bela Márcia ganha elogios de Wilson

O aval do crítico Wilson Martins é sempre importante para uma obra literária. E Márcia Denser, bela loira que publicou há meses um atrevido livro de contos ("Diana Caçadora", Global Editora, 146 páginas) não deixa por menos: abre o volume com a citação de Martins, que embora residindo há alguns anos em Nova Iorque, não deixa nunca de, no mês de julho vir a Curitiba, rever parentes e amigos. xxx

A longa viagem dos nossos motoqueiros

Uma das próximas edições da revista "Duas Rodas" dedicará duas páginas para uma aventura que três motoqueiros parnanguaras realizaram durante as férias de julho. Em 25 dias percorreram 10.217 quilômetros em 10 Estados, chegando até Rondônia. Jorge Luis Consella, 31 anos; Ismael dos Santos, 32 anos e José Carlos Pienta, 22 anos, funcionários da Petrobrás, em Paranaguá, são adeptos do motocross e em suas XL 250 Honda tem percorrido os mais difíceis caminhos na Serra do Mar. Entretanto, desejavam ampliar suas caminhadas para uma excursão mais ambiciosa e decidiram conhecer melhor o Brasil.

FM-Estadual foi salva mas TV-E fica apenas no sonho

Mesmo deixando, frustrado, a direção da Rádio Estadual do Paraná, por não ter conseguido ver criada a prometida fundação que poderia permitir maior dinamização do prefixo oficial, o empresário Faruk El khatib sai satisfeito pelo que ali pôde desenvolver. Dinamizou o setor de jornalismo (acusado, entretanto de favorecer a divulgação dos candidatos peemedebistas), fez com que a emissora passasse a transmitir 24 horas e, através de uma discutível "conquista de audiência", eliminou da programação diurna a transmissão de música clássica - concentrada apenas no período noturno, entre 19/24 horas.

Walmor faz teatro para amigo "Zimba"

Walmor Chagas decidiu homenagear uma das pessoas mais importantes do teatro brasileiro. Ziembinski (Zbigniew Ziembinski, Polônia, 1908 - Rio de Janeiro, 1978), que trouxe para o Brasil, em 1941, uma grande dose de renovação nos palcos, influindo em toda uma geração de diretores, atores, autores e cenógrafos. Sua encenação de "Vestido de Noiva" (1943), não só projetou Nelson Rodrigues como foi o divisor entre o velho e o novo teatro brasileiro.

Ópera, no jeitinho brasileiro...

- Quem tem medo da Ópera?

Quem não tem "O Guarani" como convém, ataca com os Violados

Para milhões de brasileiros, a única informação sonora sobre a mais famosa das óperas de um autor brasileiro é a protofonia de "O Guarani", que por décadas identificava o programa "A Voz do Brasil", desde sua implantação nos tempos do Estado Novo.

Opereta de Noel Rosa chega 50 anos depois

Noel Rosa, autor de uma opereta?

Quando os tenores cantam o popular

Desde o tempo do grande Caruso (Enrico, 1873-1921) que os grandes mestres do bel-canto, vez por outra, deixam o rigor operístico e fazem registros de canções menos líricas - mas capazes de aproximá-los, ainda mais, de imensas faixas de público que não acompanham exclusivamente a música operística.

Geléia Geral

A má vontade e mesmo o desrespeito com que uma parte da crítica tratou a participação do guitarrista e compositor Larry Carlton, no Free Jazz Festival - etapa paulista, vem demonstrar como também entre os ditos apreciadores de jazz, existem preconceitos e posições maniqueístas. Acusado de ter mostrado um som pausterizado e repetitivo, Larry Eugene Carlton (Torrance, Califórnia, 2 de março de 1948) nos parece, entretanto, um dos mais melódicos artistas contemporâneos.

Dos cubanos ao erotismo, a hora de muitas edições

Catarinense de nascimento e morando há anos em São Carlos, onde é professor universitário, Deonísio da Silva sente-se tão ligado a Curitiba que mantém sua assinatura de O Estado do Paraná. Escritor, professor do setor de Letras da Universidade de São Carlos e book-review de publicações nacionais, 13 livros publicados, Deonísio é um dos intelectuais de sua geração mais atuantes.

No campo de batalha

Os candidatos Ivan Ribas e Maurício Nasser encontraram mais uma fórmula de agradar o seu eleitorado: mandam suas Kombis ficarem ao lado dos postos de vendas da Cobal e oferecem condução gratuíta para as donas de casa transportarem as compras às suas residências. xxx
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br