Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS André Midani

André Midani

As raízes do blues chegam ao Brasil

Até hoje muitos confundem a palavra blues. Afinal, assim como se pode ter diferentes significados no idioma inglês - tristeza, azul, ou mesmo um estado de espírito que se poderia adaptar para "na fossa" - em termos musicais, o blues é visto por diversas formas - atribuindo-se o gênero a intérpretes que, na maioria das vezes, nada têm em comum com o seu real significado.

Aqueles velhos negros americanos cantando bem a dor de cotovelo!

Quando na presidência da WEA brasileira, André Midani - agora vice-presidente mundial da Warner Records, em Nova Iorque - preocupou-se em lançar uma série de álbuns de blues, agrupados em coleções. A coleção "The Legacy of the Blues", teve seqüência há quase um ano com os volumes 4, 5 e 6, que trouxeram registros notáveis de três figuras históricas:

"Personalidades" muito bem escolhidas da MPB

O advento da Era do CD estimulou as gravadoras a produzirem discos com os nomes de potencialidades de vendas que passaram por suas etiquetas. Afinal, os direitos sobre os fonogramas pertencem às gravadoras, público existe - tanto aquela faixa exigente que, pouco a pouco, vai substituindo os discos em vinil por CDs (como, a partir de 1952, substituiu os pesados e frágeis 78rpm por elepês), como, no caso dos mais jovens, que dispõe de montagens reciclantes, com excelente tratamento de remixagem, de gravações históricas.

Muita música instrumental de qualidade à disposição

Edgard Duvivier é um exemplo da nova geração de instrumentistas com formação internacional. Filho de família das mais tradicionais do Rio de Janeiro, estudou saxofone em Berkeley e vem desenvolvendo uma carreira segura, extremamente sofisticada. O casamento com a cantora Olívia Byghton - uma das vozes mais perfeitas surgidas nos últimos anos - aproximou dois seres de extrema sensibilidade.

Jerry e as trilhas dos grandes filmes

É difícil entender por que a Warner, cujo catálogo é tão amplo com várias representações, não edita no Brasil a melhor trilha sonora do ano - a de "Cinema Paradiso" -, que Ennio Morricone criou para o filme de Giuseppe Tornatore. Sucesso de público e crítica, a música que Morricone fez para esta lírica poesia visual em torno do próprio cinema seria um êxito, como foi a trilha de "Amarcord", de Nino Rotta, para a obra-prima de Fellini, que até hoje é disputada pelos colecionadores.

Baijamiacanos dos anos 90

A Bahia, com toda sua influência musical, se voltou aos ritmos caribenhos nos últimos anos, numa fusão com o afro-carnavalesco da boa terra, musicalmente teve um boom de solistas, grupos e compositores através da Continental, sempre viva em termos de aproveitamento de ciclos regionalistas. Entretanto, o astuto André Midani não dorme de touca e assim a WEA também entra na mesma linha, reunindo seis nomes do que se pode chamar de nova safra no álbum "Bahia".

Rock para consumo

Sem dúvida que André Midani, o super-presidente da WEA, soube fazer uma boa escola para lançar novos intérpretes para consumo jovem. Mesmo descartáveis, funcionam como catalisadores de faixas que buscam novidades como é o público jovem. xxx

O curso intensivo para conhecer Rhythm & Blues

Uma coleção de discos conta a história do R&B. E mostra como surgiu a geração do rock and roll Orlando Azevedo, 36 anos, um dos mais requisitados fotógrafos do Paraná, ex-baterista do grupo A Chave - que o teve como grande teórico por quase uma década costuma surpreender quando fala sobre suas preferências musicais: - Para mim, tudo está no Rhythm and Blues.

Em tempo de Blues

O boom jazzístico - com constantes edições tanto do que há de novo como tesouros do passado, através das excelentes coleções da CBS - o sucesso do Free Jazz Festival e, em termos locais, a aceitação que o Blue Note Jazz Clube obteve, provam que há um amplo mercado para a música instrumental. André Midani, um homem que sempre soube ver longe, sentiu isto e abriu as portas da WEA para o blues ter seu espaço no Brasil.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br