Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Antônio Carlos Jobim

Antônio Carlos Jobim

É CARLINHOS LYRA

QUANDO se diz que a bossa nova foi o movimento mais importante verificado em nossa musica popular nos últimos anos, o que leva em conta não é apenas a modificação que ela provocou nos rumos da MPB, mas a possibilidade que abriu para que aparecessem alguns dos nossos melhores compositores de todos os tempos. Carlos Lara, sem dúvida nenhuma, é um deles. A sua importância não se restringe aos limites da bossa nova: o seu nome, historicamente, é tão importante quanto os mais importantes nomes da música popular brasileira". (Sérgio Cabral, critico de música popular).

GENTE

Há menos de um mês, Nonato Bunar (foto) foi noticia de primeira pagina em vários jornais do País, ao denunciar o compositor-instrumentista latino-americano Santana, de ter gravado uma de suas músicas mais conhecidas - o tema central da telenovela "Verão Vermelho", no lp "Caravan'Serai", sem citar o seu nome. Hoje, Nonato não gosta nem de falar no assunto: "O Santana, quando veio ao Brasil, ficou toda uma noite em minha casa ouvindo minhas musicas. Cheguei a lhe propor parceria, mas não esperava que ele fosse gravar uma musica sem mencionar o meu nome.

Palco/ Som/ Imagem

Quando estiveram em Curitiba, de 27 a 31 de dezembro de 1971, para inaugurar o Teatro do Paiol, Vinícius de Moraes e Toquinho entusiasmaram-se tanto com a originalidade daquela casa de cultura que compuseram uma musica em sua homenagem, "Paiol de Pólvora" apresentada no espetáculo de despedida. Agora, um ano depois, a canção tem seu lançamento nacional, da melhor forma possível: é um dos principais temas da telenovela "O Bem Amado", da Rede Globo de Televisão e que se constitui na principal estréia dos Canais 4 e 11 (Tibagi) nesta temporada.

Um disco com histórico concerto no Municipal

Com uma pequena gravadora (Imagem, Discos, Tapes & Filmes), Jonas Silva vem dando um exemplo às grandes fábricas, que insistem em sonegar do público brasileiro os grandes lançamentos de jazz e música erudita. Idealisticamente , suportando muitas vezes grandes prejuízos, Jonas tem editado nos últimos anos alguns dos melhores LPs de música erudita e jazz, em nosso mercado.

O revival de Jones, ecletismo de Lionel e o som de Santana/Davis

O DISC-REVIEW é tarefa das mais agradáveis acompanhar a carreira de Quincy Jones. Este crioulo norte-americano, que tivemos oportunidade de entrevistas há 5 anos, quando esteve na Guanabara, participando no juri do Festival Internacional da Canção, tem evoluído de trabalho para trabalho nos últimos 10 anos, com uma produtividade excelente - refletida em quase duas dezenas de trilhas sonoras que fez, em 7 álbuns e ainda encontrando tempo para viajar bastante.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br