Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Biblioteca Pública do Paraná

Biblioteca Pública do Paraná

Batalha dos candidatos nos tapumes da cidade

No passado, os tapumes das construções e muros da cidade recebiam murais coloridos feitos por crianças - uma das mais felizes idéias na primeira administração do prefeito Jaime Lerner e que eram coordenados pela artista plástica Juliata Fialho. Hoje, os tapumes, muros - mesmo árvores e principalmente postes e até viadutos - são o campo de batalha política, com propaganda dos quatro principais candidatos a Prefeitura - e de centenas de cidadãos que sonham em serem vereadores - emporcalhando Curitiba.

No campo de batalha

Consolidado em seus anos e agora editado em cores, "Bom Programa", criado pelo poeta Paulo Ciça e desde 1983 de propriedade da Designer Roselys Paciornik, tem estimulado alguns-concorrentes. Os quais, pelo visto, não tem conseguido maior sobrevivência. Três ou quatro ficaram no meio do caminho e atualmente há duas imitações, no mesmo formato, e buscando a mesma clientela: "Onde ir em Curitiba" (circulando há 31 semanas) e a recém-lançada "Curitiba - Night and Day". xxx

No campo de batalha

Já que falamos em Cristóvão Tezza e seu romance curitibano, registrem-se outros títulos que chegaram às livrarias, trazendo autores conhecidos ou não,, mas que merecem atenção. xxx

Espaços alternativos e direitos humanos em discussão na Jornada

Salvador - O mais importante documentário realizado no Brasil nos últimos anos sobre a questão cultural, "Memória Viva", de Octávio Bezerra, premiado no IV FestRio, continua inédito quase um ano após ter sido aplaudido pelos que o assistiram na única exibição realizada no Hotel Nacional. Bezerra, 44 anos, mostra-se revoltado com a Embrafilme: - "Não existe o menor plano de lançamento para este filme, nem para tantos outros projetos especiais, que ficam bloqueados devido à incompetência da empresa em sua área de comercialização".

No campo de batalha

A engenheira-agrônoma Maria Luiza Dhigini fez um curso de pós-graduação em Economia de Sistema Agro-Alimentar na Universidade de Vitero, na Itália, com resultados tão positivos que mereceu convite para estender seus estudos na área das Ciências Agrárias, agora na Universidade de Pisa. Veio a Curitiba, reviu os familiares e amigos e já se encontra novamente na Itália.

Aqueles jovens premiados dos primeiros concursos

Pelo menos três dos seis escritores convidados para o Seminário de Literatura (Biblioteca Pública, 6 a 10 de junho), evento paralelo para marcar o reaquecimento do concurso nacional de Contos, aceitaram vir a Curitiba com uma certa dose de emoção. Dois deles, mais jovens, por terem justamente tido na antiga fase do concurso nacional de contos, suas primeiras oportunidades de aparecer nacionalmente. E a única mulher presente ao seminário como conferencista - Edla Van Steen - por ter raízes profundas com Curitiba, onde passou sua adolescência.

Os tempos dourados da bela Edla em Curitiba

Edla Van Steen e Sábato Magaldi decidiram prorrogar até amanhã a sua estadia em Curitiba. Ontem á noite, falaram sobre editoração e dramaturgia, respectivamente, no Seminário de Literatura (que se encerra hoje, 19 horas, auditório da Biblioteca Pública, com a palestra de Luís Fernando Emediato) mas hoje estarão revendo, com mais calma, amigos de muitos anos.

Um poeta de bem com a vida: Luís Coronel

O professor Hélio de Freitas Pugliesi, um dos intelectuais curitibanos de mais sólidas leituras, não se conteve e foi o primeiro dos espectadores que lotavam, no entardecer de terça-feira, 7, o Auditório Paul Garfunkel, a inquerir o conferencista Luís Coronel sobre a "felicidade" em torno de sua poesia.

No campo de batalha

Como a pintora Clotilde de Quadros Cravo está trabalhando em tempo integral para duas individuais - uma no Clube Curitibano, outra na Biblioteca Pública, este ano não pode organizar o VI Salão de Artes Plásticas do Círculo Militar. O presidente Almir Silva encarregou a poeta Gladys Gama França desta missão. Gladys, 4 livros publicados, esvoaçante figura dos circulos lítero-sociais da cidade, prepara-se também para entrar na área das artes plásticas e já tem planos até para uma vernissage super-badalada. xxx

No campo de batalha

Zelinha Brandão, atriz e, sobretudo, entusiasta em fazer coisas artísticas, apresentará entre os dias 14 e 22 de maio, no Sesc da Esquina, um novo espetáculo: "Levando a Vida na Flauta", com direção de Maria Adélia Ferreira. Que explica como "um trabalho cênico em cima da Sonata em Lá Menor para flauta solo de Bach, onde o flautista questiona o seu procedimento como artista e se lança em busca do público e de si mesma". Na segunda parte o trabalho é feito a partir da peça "Syrinx", de Debussy, com a história de uma menina que ganhou de aniversário uma "caixinha de tristeza".
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br