Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Biblioteca Pública do Paraná

Biblioteca Pública do Paraná

Augusto redescobriu a nossa guerra da carne

As voltas que a história e a política dão, fazem com que um livro lançado há exatamente dois meses por uma editora da cidade - a Gralha Azul -, adquiria, extrema atualidade. "História; Mulher", do jornalista Luiz Augusto Moraes, ao enfocar fatos verídicos ocorridos na provinciana Curitiba de 35 anos passados - e que estavam totalmente esquecidos da história oficial - mostra que os problemas sociais e econômicos continuam os mesmos. E a leitura das 90 páginas deste romance - criado a partir de um pano de fundo real - chegam até a emocionar pela atualidade de alguns fatos. xxx

Está na hora de salvar a nossa Biblioteca Pública

Em 1953, quando a Biblioteca Pública do Paraná foi inaugurada a 19 de dezembro, dentro das comemorações do centenário de emancipação política do Estado, a população de Curitiba era de pouco mais de 230 mil habitantes. Hoje, com uma população de 1.400.000 a Biblioteca continua idêntica aquela que foi inaugurada há 34 anos passados.

Goteiras nos museus, teatro sem elevador. Pobre Paraná!

Preocupado em realizar uma "administração iluminada, em renascimento cultural no Paraná" - como tem, exaustivamente, repetido em dezenas de discursos desde que foi escolhido pelo governador Álvaro Dias para a pasta da Cultura, o advogado Renê Dotti tem uma responsabilidade maior em suas mãos: apesar da época de crise, do orçamento em vermelho, sensibilizar o governo para que a Biblioteca Pública do Paraná ganhe os dois andares que, projetados há 34 anos, estão à espera de uma administração realmente preocupada com a nossa vida cultural. xxx

No campo de batalha

Enquanto a idéia de criar uma Fundação Newton Carneiro toma corpo - e nesta coluna, há quase 3 meses, fomos os primeiros a falar a respeito - a Biblioteca Pública decidiu homenagear o intelectual, homem público e colecionador, um dos idealizadores da construção da BPP, há 35 anos. xxx Amanhã, às 15 horas, será inaugurada a exposição "Newton Carneiro: um exemplo de cultura", reunindo livros, fotos, desenhos e mesmo peças ligadas a vida do professor Carneiro, uma das grandes personalidades do Paraná. xxx

É a hora de localizar os aparelhos mal utilizados

A Biblioteca Pública do Paraná terá em breve uma cabine de 35mm, possibilitando que no auditório Paulo Garfunkel sejam exibidos curtas, médias e longas-metragens, dentro de um programa cultural - o qual, se espera, seja bem conduzido. A cabine de projeção, em fase de reparação pelo técnico Zito Alves, encontrava-se abandonada no Palácio Iguaçu. Ali havia sido instalada, há 20 anos, no primeiro governo Ney Braga e, nos últimos anos, pouco foi utilizada.

CEP diz não à saída dos seus quadros para o MAP

Presidente da Associação de Pais e Mestres do Colégio Estadual do Paraná, o advogado Anfrísio Siqueira não aceita a decisão da secretária Suzana Maria Munhoz da Rocha Guimarães em "requisitar" a transferência das telas de pintores paranaenses que fazem parte do acervo do centenário estabelecimento. Na semana passada, Anfrísio já municiou suas metralhadoras verbais contra esta proposta da Secretaria da Cultura em limpar as salas do Colégio Estadual para recolher valiosas telas de mestres da pintura de nosso Estado que há décadas ali se encontram. xxx

No campo de batalha

Mesmo antes de deixar oficialmente a direção da Biblioteca Pública do Paraná, a Sra. Maria Eugenia Marés de Souza Chedid ganhou um novo emprego: a coordenação do futuro Museu da Cidade, no bairro do Portão. Seu irmão, o secretário Carlos Frederico Marés de Souza, da Cultura, a convocou para integrar sua equipe. xxx
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br