Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Cinemas de Curitiba

Cinemas de Curitiba

Ingressos 50% a menos nos cines Condor e Lido

Desde segunda-feira, os cines Condor ( "O cabo do medo"), Lido I ( "Voltar [à] morrer") e Lido II ("Thelma e Louise") estão cobrando ingresso de Cr$ 2 mil entre segunda e quarta-feira. Egom José Prim, 52 anos, 35 de cinematografia, superintendente regional da Cinema International Corporation, após meses de argumentação junto aos diretores da empresa, conseguiu provar o óbvio: é preferível ter casas lotadas com ingressos mais baratos do que poltronas vazias com o público afastado devido os ingressos a Cr$ 4 e Cr$ 5 mil.

Estréiam hoje dois dos melhores filmes de 1991

1992 não poderia começar melhor em termos cinematográficos. Hoje, terceiro dia do ano, estréiam dois dos dez melhores filmes indicados no referendum em que participaram 28 críticos e cinéfilos de 8 capitais e que, pela 26ª vez, ininterruptamente, O Estado do Paraná publicará domingo. "Não Amarás", do polonês Krzystof Kieslowski e "Os Imorais", do inglês Stephen Frears - que embora estivessem inéditos em Curitiba obtiveram pontuação para integrar a lista dos 10 melhores, estréiam agora nos Cine Groff e Bristol, respectivamente.

Ghost, o fantasminha que o nosso público mais amou

Nem mesmo Alan Kardec explicaria: "Ghost - Do Outro Lado da Vida", uma comédia romântica, com toques parapsicológicos, realizada por um diretor semi-estreante com mínimo orçamento, se constitui desde sua estréia no maior êxito de bilheteria internacional. Em Curitiba, estreou ainda em novembro de 1990 no Condor e manteve-se em cartaz - no Lido I e II até completar o recorde: 57 semanas de casas lotadas, atingindo a marca dos 235.252 espectadores.

Amor, drama, suspense e ação

Novos filmes entram em cartaz quanto o público nem teve tempo (ou dinheiro sobrando) para digerir os que estão em cartaz ou os que deveriam ter permanecido, como "Europa", substituído por "Vitrine do Desejo", que entra hoje em cartaz, trazendo a atriz Diane Lane no papel de uma jovem vitrinista envolvida com um "voyer", quando desenvolve um sensual projeto para uma grande loja. O filme até pode surpreender, apesar de sem maiores referências.

Os 10 filmes favoritos do público

1. Ghost - Do Outro Lado da Vida (Ghost), EUA, 90, de Jerry Zucker. Comédia paranormal. Exibido no cine Lido I (43 semanas), Lido II (1) foi visto por 235.252 espectadores. 2. Esqueceram de Mim (Home Alone), EUA, 90, de Chris Columbus. Comédia familiar. Exibido no cine Astor (9 semanas), Itália (13) foi visto por 116.834 espectadores. 3. Dança com Lobos (Dance With Wolves), EUA, 90, de Kevin Costner. Aventura. Exibido no Cine Astor (8 semanas), Cinema I (6), Itália (8) foi visto por 101.320 espectadores.

"A Grande Arte" e "O Pescador de Ilusões" são as melhores estréias

Mais seis estréias neste final de ano - entre as quais duas que, com boa vontade, poderão ser nominadas entre os 10 melhores do ano, cujas listagens já começam a ser preparadas. "A Grande Arte", de Walter Salles Jr., do romance de Rubens Fonseca, superprodução (US$ 5 milhões) para os padrões nacionais, mas com esquema internacional e, inclusive, grande parte dos diálogos em inglês, é o lançamento mais esperado - embora a repercussão no eixo Rio-São Paulo, mesmo com toda a mídia, tenha sido abaixo do que os produtores esperavam.

Estréiam hoje dois dos melhores filmes de 1991

1992 não poderia começar melhor em termos cinematográficos. Hoje, terceiro dia do ano, estréiam dois dos dez melhores filmes indicados no referendum em que participaram 28 críticos e cinéfilos de 8 capitais e que, pela 26ª vez, ininterruptamente, O Estado do Paraná publicará domingo. "Não Amarás", do polonês Krzystof Kieslowski e "Os Imorais", do inglês Stephen Frears - que embora estivessem inéditos em Curitiba obtiveram pontuação para integrar a lista dos 10 melhores, estréiam agora nos Cine Groff e Bristol, respectivamente.

Saiu a barriga, entrou o Corpo e Frankenstein revive novamente

O melhor filme da temporada - mesmo com a concorrência das produções oscarizáveis - saiu de cartaz. Inexplicavelmente, o programador (sic) da Fucucu substituiu "A Barriga do Arquiteto" (The Belly of an Architect), 1987, de Peter Greenaway, por "Corpo em Delito", que com todos os méritos poderia esperar mais uma semana. Aliás, o lançamento de um filme brasileiro - coisa rara nestes tempos colloridos - mereceria ter uma programação especial.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br