Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Cinemas de Curitiba

Cinemas de Curitiba

"Noturno Indiano" e "Caçadores de Emoção" são as estréias da semana

Apenas duas estréias regulares nesta semana - e uma pré-estréia em horário e cinema maldito - "A Criatura do Cemitério" (The Graveyard Shitt), de Ralph S. Singleton, baseado em conto do especialista Stephen King (Morgenau, amanhã, 24 horas, em programação normal a partir do dia 14) faz com que as opções maiores continuem nos filmes em exibição.

"Césio 137" é ainda o melhor filme

Uma semana praticamente sem estréias - considerando que "Maniac Cop, o Exterminador", de William Lusting (Cine São João), destinados a programação "b" é daquelas produções caça-níqueis e as reprises de "Leão Branco - O Lutador sem Lei" (Palace Itália) e "Além da Eternidade" (Always), de Steven Spielberg, não têm maior atração. O filme de Steven Spielberg, com Richard Dreyffus, John Goodnis, desde a semana passada no Lido II é a refilmagem de um melodioso sucesso dos anos 40 - mas que neste "revival" mesmo com toda a competência do "golden boy" do cinema americano fracassou.

Madonna na cama com a lua na sargeta estão na cidade

Cinco estréias - das quais apenas duas de maior significado - nesta semana. Para o público jovem, a atração maior é o documentário "Na Cama com Madonna" de Alek Keshishian (Lido II), que foi levado ao último festival de Cannes, com exibição hors-concours - com a presença da própria superstar, Já "A Lua na Sarjeta" (La Lune Dans Le Caniveau), chega com atraso de oito anos (sua estréia, em Paris, foi a 18 de maio de 1983), embalada no sucesso dos filmes que o diretor Jean-Jacques Beineix fez posteriormente - especialmente "Betty Blue" e "Rosalye e os Leões".

Uma comédia motorizada

Depois da imagem inesquecível do professor, que faz seus alunos descobrirem a intensidade da vida em "Sociedade dos Poetas Mortos" e do rebelde disk-jockey no campo de batalha de "Bom dia Vietnã", pode até ser difícil aceitar Robin Willians como um abilolado vendedor de automóveis e suas complicações triviais - falta de dinheiro, quatro envolvimentos sentimentais e muita confusão.

Uma viagem pela Itália com o diretor de "Cinema Paradiso"

Para os que se emocionaram com [o] mais belo filme de 1990, "Cinema Paradiso", a melhor notícia: novo filme do mesmo diretor Giuseppe Tornatore entra em exibição no Bristol - "Estamos todos Bem", no qual Tornattore faz uma melancólica viagem pela Itália, acompanhando Matteo Scuro (Marcelo Mastroiani) um siciliano aposentado que decide rever seus cinco filhos, espalhados pelo país.

Moscou e Califórnia nas telas

Um projeto que poderia ter sido iniciado há meses - o convênio que inclui Curitiba no circuito de filmes de artes da distribuidora BelasArtes, só agora viabilizou-se: o melhor da produção européia (com eventuais representantes do terceiro mundo) estarão exclusivamente no cine Luz, cuja programação deixa de ser responsabilidade da Fucucu e passa a ser orientada diretamente pelo cineasta (nome importantíssimo da nouvelle vague, realizador de ao menos um clássico: "A garota dos olhos dourados") Jean Gabriel Albicoco.

Das flechadas, aos possessos até Godard

Do sexagenário vanguardista Jean Luc Godard ("Nouvelle Vague") a uma refilmagem de uma das mais famosas histórias de arco e flecha que pelo prestígio de seu ator - Kevin "Dança com Lobos" Kostner - está transformando-se no novo boom das bilheterias ("Robin Hood, o Príncipe dos ladrões"), a semana promete, fazendo um inédito Wajda ( "Os Possessos"), uma circense produção de Jean-Jacque Beineix ("Roselyne e os Leões") e , para a garotada que entra em férias, "As Tartarugas Ninja II - O Segredo do Onze", em versão original (Astor) e dublada (Cinema ), e "Os Trapalhões e a Árvore da J

Mais e melhores filmes de jazz

Cada vez mais os fãs de jazz têm motivos de alegria. A dieta, que por mais de 30 anos obrigava os que curtem a mais criativa das formas musicais a viver um regime de pão e água em termos de informações, parece que, finalmente, encontrou a luz no final do túnel. Enquanto multiplicam-se as edições gravadas, tanto dos históricos registros em coleções que gravadoras com notáveis acervos (CBS, Imagem, Movieplay, Bradisc, WEA, EMI/Odeon, RCA) vêm colocando nas lojas - a partir de 1989/90, também em versões CD e fitas cromo, em termos visuais a coisa melhorou.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br