Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Eduardo Coutinho

Eduardo Coutinho

Valêncio documenta em vídeo as pinturas pré-colombianas

Numa prova de competência, agilidade e talento, Valêncio Xavier, idealizador e coordenador do projeto Americanicidade ,realizou em menos de 60 dias úteis - e com um custo inferior a Cr$ 3 milhões - um documentário em vídeo que poderá ter grande impacto na programação audiovisual paralela da eco 92, em junho próximo no Rio de Janeiro, além de, com legendas em português, espanhol e inglês merecer projeções internacionais.

Títulos diversificados que justificam melhor divulgação

Se proporcionalmente a medida em que a Editora da Universidade Federal do Paraná fizesse suas edições em 1991 tivesse tido a preocupação de divulgá-la junto a imprensa - como fazem todas as organizações editoriais (oficiais ou particulares), possivelmente muitos títulos teriam obtido grande promoção. Por exemplo, um dos mais conhecidos e estimados mestres de Karatê no Paraná, o professor Aldo Lubes, publicou - (e fora dos círculos de cultores de lutas marciais e seus discípulos, poucos tomaram conhecimento), "Caminho do Karatê" (74 páginas, ilustrado).

Uma reflexão em torno dos 60 e adjacências

Ao pretender uma reflexão sobre os anos 60 com uma visão de dramaturgia da década de 90, o paulista Maurício Abud, 32 anos, não deixou por menos: "60 e Over" (estréia nacional no auditório Salvador de Ferrante na semana passada; em temporada pelo Interior do Paraná; hoje em Ponta Grossa e quinta-feira em Cascavel), revela uma intranqüilidade intelectual-rebelde que o faz dedicar especial atenção a Jean Genet (1910-1986), de quem já adaptou e dirigiu duas peças ("Nossa Senhora das Flores" e "Os Negros").

A realidade Latino-Americana vista em muitos documentários

Salvador - Dentro da multiplicidade temática que faz com que se lamente a impossibilidade física de acompanhar os diferentes programas que ocupam os vários espaços nos quais vem acontecendo a XVIII Jornada Internacional de Cinema da Bahia, é oferecido uma - rara - possibilidade de se conhecer um pouco da produção em vídeo e de documentários de alguns países do continente, especialmente da Argentina e Chile.

Um filme vai denunciar os males que a dívida externa traz para o Brasil

Depois de ter registrado o Brasil numa série de curtas e longas - especialmente a mais profunda discussão da cultura popular em "Memória Viva" (1987) e a violência urbana em "Uma Avenida Chamada Brasil" (1988), o cineasta carioca Octávio Bezerra volta seu olhar crítico para um tema do mais atuais: a dívida externa (*).

Um exibidor que trouxe o Cinemascope para o Brasil

Pode-se dizer que Paulo Sá Pinto trouxe a modernidade para a cinematografia curitibana - que durante décadas estava acomodada com os exibidores tradicionais. Em 6 de novembro de 1948, uma sexta-feira, reabria o antigo Cine Vitória (que antes havia se chamado Imperial) com o nome de Ritz, na quadra da Rua XV de Novembro entre a Dr. Murici e a Marechal Floriano.

As imagens que desmistificam a nossa Capital da Esperança

"O filme de Vladimir é um tiro de obuz na mira das meias-verdades alicerçadas com o correr dos anos da ditadura. Com preciosas imagens arquivadas ao longo de quase 20 anos, tempo de gestação desta verdadeira ópera popular, além de depoimentos revistos e checados com o passar dos anos. Vladimir entrega agora ao público uma obra que não tem preço, um dos mais lúcidos espelhos da nossa realidade já construídos pelo cinema nacional". (César Mendes, "Correio Braziliense", 16/10/1990) xxx

Os premiados nas várias categorias do festival

Longas e gurtas - 35mm - O júri que escolheu os filmes nesta bitola (ver premiados do longa no texto acima) foi integrado por Roberto Mendes (da Sagres, distribuidora de vídeo), Luís Carlos Lacerda, "Bigode" (cineasta), Maria Teresa Moraes (cineasta), Miguel Rio Branco (fotógrafo), Chico Diaz (ator), Joana Fonn (atriz), Guilherme de Almeida Prado (cineasta), Beto Brandt (cineasta), José Joffily (cineasta), Toninho Horta (músico) e Camuyrano (montador).
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br