Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Jaime Lerner

Jaime Lerner

... e aonde estão os filmes da Ribalta?

O crítico Francisco Alves dos Santos, responsável pela Sala de Exibição Arnaldo Fontana e programador do cine Groff, lembrou-se de que Claudio Eduardo Samuel Arruda, falecido em 1969, foi também um dos pioneiros de nosso cinema. E há semanas que o bom Chico, ex-seminarista, poeta e romancista, com vários documentários premiados em festivais nacionais, está tentando localizar alguém da família de Claudio Arruda que lhe possa dar informações de onde foram parar os filmes da Ribalta.

No Rívoli, domingo, a sua útima sessão de cinema

No domingo, dia 3 de janeiro, Curitiba perde mais um cinema. Após a última projeção de "A Rainha do Sadismo", às 22 horas, as portas do Cine Rivoli, serão fechadas e só voltarão a abrir para a retirada de suas poltronas e do equipamento de projeção – cujo destino ainda não foi definido, pelo sr. João Aracheski, executivo da Fama Filmes no Paraná.

Um livro sobre Lerner e a autobiografia que Anibal censurou

---- Nota: Este artigo que foi escrito por Aramis Millarch para sua coluna Tablóide de 06 de maio de 1992, foi censurado. ---- Jornalista com larga quilometragem na imprensa paulista onde integrou equipes das maiores publicações, Cecília de Christo Garçoni está planejando um projeto de maior fôlego profissional: uma biografia sobre Jaime Lerner.

Artigo em 12.04.1992

O Goethe Institut continua em sua generosidade para movimentar os espaços da Fucucu. Amanhã, no Teatro do Paiol acontece um bonito espetáculo para quem gosta de música de sopros: o único concerto do Fun Horns, formado pelos saxofonistas Voker Schlott e Thomas Klemm, tronbonista de vara Jurg Huke e pistonista Heimer Brebeck. Ingressos a apenas Cr$ 3 mil. xxx

O livro de arte internacional que a Catedral está perdendo

Depois de passar quatro meses em Curitiba e investir US$ 12 mil de recursos próprios para desenvolver um projeto que poderia dar uma projeção visual internacional ao Paraná - especialmente divulgando imagens da nossa Catedral Metropolitana, o fotógrafo Waldir Cruz, 38, Bicho do Paraná focalizado no projeto de valorização promovido pelo Bamerindus há anos, retornou ontem para Nova York.

Escuridão na Praça Osório, que já teve dias melhores

---- Nota: Este artigo escrito por Aramis Millarch para sua coluna Tablóide de 05 de maio de 1992 não foi publicado devido a re-diagramação da página ocasionada pela censura ao artigo "Um livro sobre Lerner e a autobiografia que Anibal censurou". ----

Quem diria, Zaruch acabou no palco beijando Déborah Bloch!

Aos 46 anos, o jornalista Luiz Júlio Zaruch, desde 1971 o porta-voz oficial do prefeito Jaime Lerner, realizou, inesperadamente, um desejo desde seus tempos de aluno do colégio religioso: subir ao palco de um grande teatro e contracenar com uma atriz famosa nacionalmente.

As dicas para candidatos segundo Marisa

Como era previsível, o período pré-eleitoral estimula edições de manuais, ensaios e mesmo teses relacionadas à comunicação, opinião pública, técnicas de marketing eleitoral etc. a bibliografia, em português com títulos traduzidos mas, especialmente obras de autores brasileiros - evidencialmente melhores conhecedores de nossa realidade - amplia-se através de produções de editores ou mesmo trabalhos independentes.

Artigo em 15.04.1992

"O objetivo é concentrar, nesta primeira etapa, os investimentos numa área específica - no caso, o teatro, para obtermos resultados mais concretos". Com esta explicação, o governador Roberto Requião descartou parte da reclamações em relação a uma pulverização dos recursos do Pipa - Programa de Incentivo Artístico, também para o cinema e música. xxx
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br