Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Jaime Lerner

Jaime Lerner

No campo de batalha

Só por sua elegância e bom senso o vice-prefeito e deputado Algacy Túlio deixou de levar ao público uma denúncia que poderia fazer o PDT iniciar 1992 com uma nova crise.

No campo de batalha

Graças ao bom trabalho que Valêncio Xavier desenvolve na coordenação do projeto Americanicidad - que idealizou para marcar, em termos visuais os 500 anos da descoberta da América - o representante no Brasil da Escuela Internacional de Cine y TV, Cosme Alves, conservador-adjunto da Cinemateca do MAM-RJ, decidiu que os próximos exames de seleção para candidatos a frequentarem os cursos em Santo Antonio de Los Baños, será realizado em Curitiba ainda neste primeiro semestre. xxx

No campo de batalha

Gerson Guelmann, chefe-de-gabinete - e candidato a suceder Jaime Lerner na Prefeitura - enviou fax para explicar que a Prefeitura promoveu "limpeza do terreno e retirada de mato e resto da poda" no jardim da mansão dos Gomm, no Batel, em litígio judicial desde a administração de Requião no município.

A solidariedade que ressuscitou Renato

Dedicando-se exclusivamente a administrar a carreira e os negócios de Luiz Gonzaga Júnior, através de sua editora Moleque, Renato Manoel Costa já vinha estruturando, em termos legais, a Fundação Asa Branca, no patrimônio que Luiz Gonzaga havia destinado, na cidade de Exu, 700 km do Recife, para sediar um generoso projeto cultural.

Sade denuncia a violência e abandono do setor histórico

Jorge Carlos Sade é daquelas pessoas que não esconde suas opiniões e pontos de vista. Artista plástico e marchand-de-tablaux pioneiro no Paraná em termos realmente profissionais - foi quem idealizou e fundou a Acaiaca, primeira galeria de artes plásticas que, desde a experiência idealista de Ennio Marques, Loio Pérsio e Manoel Furtado nos anos 50 ("Cocaco", Rua Ébano Pereira) marcou uma evolução em nosso mercado de artes plásticas.

Se Lerner renunciar, Zelia ou Nelly podem chegar a prefeita

A possibilidade do prefeito Jaime Lerner disputar a prefeitura do Rio de Janeiro - em decorrência do domicílio eleitoral ficar reduzido em 100 dias - provocou, naturalmente, um vendaval de boatos e especulações neste período em que os partidos começam a definir seus candidatos. Ontem, pela manhã, um aspecto novo na questão - naturalmente sujeito a múltiplas interpretações - era analisado por vários experts em política: no caso de Lerner renunciar a prefeitura em junho para concorrer à sucessão do prefeito Marcelo Alencar, com todo apoio da máquina brizolista, quem o sucederá na prefeitura?

Do lazer abandonado ao largo da desordem

A carta-denúncia de Jorge Carlos Sade (Praça Garibaldi, 85), datada de 15 de janeiro último, é a seguinte: "Dizem que a casa é a cara do dono!" A Praça Garibaldi, o dito setor histórico, seria o retrato de Curitiba? Baderneiros, drogados, bêbados, cheiradores, assaltantes, maloqueiros, botecos e bares de lixo e de luxo, putaréu, violência, despoliciamento, gangues varzeanas, ratatuia infecta e contagiosa, dia & noite-noite & dia infestam o eixo Praça da Ordem-Alto do São Francisco. Eis a Curitiba ecológica! Isso é o retrato da Prefeitura, da dita Secretaria do Meio Ambiente?

Empresas e serviços culturais oferecem melhores publicações

Numa confirmação de que a área musical começa a absorver publicações de bom nível, a "Revista do CD", lançada há dez meses pela Editora Globo, tem hoje, apesar do preço salgado em que chega nas bancas (Cr$ 5.200,00) um público em expansão. Ampliando sua equipe e diversificando os temas, a "Revista do CD" é hoje uma publicação disputada por uma faixa de bom poder aquisitivo.

Reinhold, a competência de um bom administrador

Há 26 anos, quando deslanchava uma administração que, na época, mudou a fisionomia urbana de Curitiba, o prefeito Ivo Arzua Pereira esbarrava com um problema que até há dois anos era o calcanhar-de-aquiles do município: dificuldades orçamentárias (hoje, com os altíssimos índices do IPTU, a administração Lerner dispõe de recursos milionários).

Dias de fogo e pressão alta para Jaime Lerner

Após uma semana em que apesar de um exaustivo programa de reuniões técnicas na Alemanha não deixou de ter seu lado soft, o prefeito Jaime Lerner enfrenta agora uma carregadíssima agenda de problemas que exigem sua decisão pessoal, ágil e, sobretudo, equilibrada. Afinal, desde a questão da disputa (ou não) da Prefeitura do Rio de Janeiro - o que poderá representar a catapulta para, em menor tempo do que se espera, poder tentar a ascensão ao Palácio do Planalto - como presidente ou vice - até problemas político-administrativos que se acumulam na esfera municipal, exigirão sua atenção.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br