Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Joel de Oliveira

Joel de Oliveira

As muitas reformas que o Guaíra está exigindo

Em todos os cargos que ocupou, o advogado Constantino Viaro deixou a marca de bom administrador. Fosse na diretoria de pessoal da Prefeitura de Curitiba ou na Fundação Cultural de Curitiba, e, como presidente do Clube Curitibano, sua competência executiva sempre ficou bem definida. Por isto mesmo, assim que o governador Álvaro Dias convidou o professor René Dotti para a Secretaria da Cultura, o nome de Viaro foi lembrado como insubstituível para a direção da Fundação Teatro Guaíra.

As esperanças para o novo tempo no teatro

Os abraços que dezenas de amigos levaram ontem, ao entardecer, ao advogado Constantino Viaro, 49 anos, ao tomar posse na superintendência da Fundação Teatro Guaíra, representaram muito mais que uma mera formalidade. Afinal, a sua presença no segundo cargo em importância dentro da vida cultural paranaense é dos mais significativos, pois significa a princípio, a escolha do homem certo para o lugar necessário - como diria o velho ditado.

Guaíra: Cz$ 6 mil em caixa e Cz$ 4 milhões em dívidas

O susto não poderia ter sido maior. Sábado, às 9 horas, reunidos na sala da superintendência da Fundação Teatro Guaíra, os novos diretores tomaram contato com os primeiros dados de uma grave situação: a situação desesperadora, em termos financeiros, em que se encontra a principal unidade executiva da política cultural do Estado. Quando o superintendente Constantino Viaro perguntou ao contador-chefe, Tadeu Júnior, a disponibilidade em caixa, a informação foi de espanto: Cz$ 6 mil depositados no Banco do Estado do Paraná.

Trincheiras, balé e as esperanças com Joel

Carlos Trincheiras, diretor do Ballet Guaíra, está entusiasmado com os ensaios de "Variações Paganini", música de Andrew Lloyd Webber (que com Tim Rice fez "Superstar" e "Evita"). Trouxe o álbum de Londres, quando de sua última viagem à Europa, e, dependendo da disposição que existir da nova direção da Fundação Teatro Guaíra, tem muitos projetos. Um deles é trazer à Curitiba o coreógrafo Vasco Welemkamp, de Lisboa. A Fundação Gulbenkein, que o tem por contrato, patrocinará a viagem de Vasco, capaz de executar em Curitiba bons projetos. xxx

No campo de batalha

Enquanto nem o Sindicato dos Radialistas, nem as emissoras de Curitiba nas quais Azor Silva deu sua grande contribuição profissional, lembraram-se até agora de homenageá-lo, uma modesta Escola de Samba - a Zebra no Batuk - criou o troféu Azor Silva, entregue na noite de sexta-feira, 6, ao autor do vencedor do samba-de-enredo com o qual a Escola sairá este ano. Azor Silva morreu no dia 12 de janeiro último. xxx

Triencheiras, balé, e as esperanças com Joel

Carlos Triencheiras, diretor do Ballet Guaíra, está entusiasmado com os ensaios de "variações Paganini", música de Andrew Lloyd Webber, (que com Tim Rice fez "Superstar" e "Evita"). Trouxe o álbum de Londres, quando de sua última viagem à Europa e, dependendo da disposição que existir da nova direção da Fundação Teatro Guaíra, tem muitos projetos. Um deles é trazer a Curitiba o coreógrafo Vasco Welemkamp, de Lisboa. A fundação Gulbenkian, que o tem por contrato, patrocinará a viagem de Vasco, capaz de executar em Curitiba bons projetos. xxx

Um salto bem sucedido do teatro de Londrina

O exemplo vem do Norte. Não do Brasil, mas de Londrina. << Salto Alto >> , que após uma semana em cartaz no auditório Salvador de Ferrante será apresentado hoje, em Ponta Grossa, no Festival Nacional de Teatro Amador, se constitui num dos mais seguros, bem humorados e profissionalmente corretos espetáculos encenados em nosso Estado.

No campo de batalha

Enquanto o bom Osval Siqueira de méritos, que na década de 60 disputava com Genésio Ramalho os principais bailes do Estado, reestrutura sua orquestra - num esforço dos mais válidos, seu ex-trombonista, Raulz de Souza, continua em grande forma e prestígio nos Estados Unidos.

O operário em construção

"De fato, como podia Um operário em construção compreender por que um tijolo Valia mais do que um pão? Tijolos ele empilhava Com pá, cimento e esquadria Quanto pão, ele o comia ... Mas fôsse comer tijolo!" ("Operário em Construção", Vinícius de Moraes, 1953). xxx

Peladeiros

A mais vitoriosa promoção esportiva realizada no Estado - o Campeonato de Peladas, idealizado pelo jornalista Nelson Comel, há nove anos passados, deverá atingir agora, em nível estadual, mais de duas mil equipes. Independente dos aspectos esportivos deste campeonato, inicialmente restrito a Curitiba, o mesmo é sintomático, em termos sociológicos, sobre o comportamento da população, através de equipes mais diversas representando grupos comunitários, profissionais, colegas de serviço, enfim das mais diferentes classes sociais.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br