Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Lima Barreto

Lima Barreto

O cult nipônico Akira e nossos caipiras em vídeo

Cultuado como renovação em termos de cinema de animação, "Akira" de Katshiro Otomo, chega em vídeo, em lançamento da Europa Vídeo. Uma ficção científica impressionante, com a high-tecnologia japonesa, este desenho animado é belíssimo e a dúvida está em saber se os múltiplos efeitos especiais resistem na redução para a telinha. xxx

IBAC acende luzes no escuro túnel cultural

Após quase dois anos de uma estagnação cultural, em termos de iniciativas do plano federal - desde que o presidente Fernando Collor extingüiu em seu primeiro dia de governo a Funarte, Embrafilme e outros organismos, o túnel volta a se iluminar. A Lei Rouanet está aprovada e regulamentada - enquanto em dezenas de municípios iniciativas semelhantes, para criar estímulos fiscais que resultem em recursos destinados a projetos culturais estão acontecendo.

Brasil musical que a Caju está exportando

Na verdade, seriam reedições se não fosse o fato de saírem agora com tanta perfeição sonora que a sensação é de uma novidade. Peter Klann, um alemão que se [?] brasileiro tanto ao ponto de aqui estar editando o que de melhor [??] termos em matéria musical - numa época em que o lixo sonoro é empurrado ouvidos abaixo dos consumidores - dá mais uma mostra de carinho para com a nossa melhor música instrumental.

CDs do ano - A volta de Luís Bonfá, em sua melhor forma e estilo

Afinal, neste final de ano, chega um dos álbuns mais aguardados: o retorno de Luís Bonfá, que há 18 anos não tinha um novo disco lançado no Brasil ("Jaracandá" aqui saiu em 1973 pela RGE), embora sua discografia chegue a 50 títulos nos Estados Unidos. Reconhecido como um dos influenciadores da Bossa Nova, compositor, violinista e mesmo cantor eventualmente, com uma obra internacionalmente reconhecida, Bonfá é, para a geração idiotizada pelas FMs que colonizam corações & bolsos, um ilustre desconhecido.

Na miséria das imagens, a esperança de São Paulo

Rio de Janeiro - Durante alguns anos, especialmente na década de 70, os dois principais festivais competitivos do cinema brasileiro - Brasília (criado em 1968) e Gramado (a partir de 73) - representavam um campo de batalhas visuais entre o cinema paulista X carioca. Numa época em que a produção nacional chegou a ultrapassar mais de cem títulos/ano, os realizadores dos dois Estados levavam até para o esforço físico as acirradas disputas de festivais em alta voltagem, muita badalação e euforia.

Os "oscarizáveis" de 1990 e o vento que o tempo não leva

Dois dos cinco filmes que na noite de 25 de março estarão concorrendo ao Oscar já podem serem vistos pelos curitibanos: desde a semana passada, "Sociedade dos Poetas Mortos", de Peter Weir, está em exibição no Cine Bristol e, com boa bilheteria, deve permanecer no mínimo mais duas semanas. Além de concorrer ao Oscar de melhor filme - disputa ainda como melhor ator (Robin Willians), roteiro original (Tom Schulman) e direção. Já "Campo dos Sonhos" (Cine Plaza, desde ontem), concorre como melhor filme, roteiro captado [adaptado] (Phil Alden Robinson) e trilha sonora (James Norner).

Baianos e Madame Goneau no Guaíra

Apesar da retração do público e um natural desaquecimento da produção, nem por isto faltam espetáculos nesta semana. Mozart Primo, ativíssimo, simultaneamente, coordena duas temporadas: a dupla Moraes & Pepeu (Auditório Bento Munhoz da Rocha Neto, dias 18 e 19, 21h, ingressos a Cr$ 500,00 e Cr$ 400,00) e "Venerável Madame Goneau", comédia de João Bethencourt (Auditório Salvador de Ferrante, de 18 a 21; posteriormente apresentações nos dias 24 e 25 em São Mateus do Sul e 27 e 29 em Ponta Grossa). xxx

O (excelente) cinema brasileiro na tela do Groff

Comemorando os 90 anos de cinema nacional, o Cine Groff está exibindo uma série de importantes filmes realizados por cineastas da envergadura de Humberto Mauro, Márcio Peixoto, Luís Sérgio Person, Joaquim Pedro de Andrade, Rogério Sganzerla, Júlio Bressane, Leon Hirzman, Tizuka Iamasaki, Sílvio Tendler, Sylvio Back... a lista é grande. Siga a programação:

"Romance" de Bianchi volta ao Fest-Berlim

Berlim (De Marcelo Marchioro exclusivo para Tablóide) - Há dois anos, Sergio Bianchi, paranaense de Ponta Grossa, era convidado do Festival de Berlim para a apresentação, em mostra informativa, de seu "Romance", que teve várias cenas rodadas em Curitiba. O filme deve ter agradado aos organizadores deste evento que abre o circuito dos grandes festivais internacionais, pois "Romance" - título que recebeu em alemão - será exibido, na segunda-feira, 19, às 23h, no cine Capitol-Dahlem, numa das muitas mostras paralelas que movimentam desde o dia 9 esta cidade.

"Limite" e filmes de Omar ganham aplausos americanos

Antes de viajar para Nova Iorque, no dia 19 de setembro, o bom amigo João Luiz Vieira, conservador da Cinemateca do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, nos informava que levaria ao Moma (Museu of Modern Art), na Big Apple, uma seleção de filmes de Arthur Omar, todos realizados nos anos 80. Dizia João Luiz:
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br