Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Livraria José Olympio Editora

Livraria José Olympio Editora

As estrelas que foram iluminar o firmamento

O ano de 1990 começou levando duas divas do cinema - Barbara Stanwyck, aos 83 anos, no dia 20 de janeiro e, cinco dias depois, Ava Gardner, aos 68 - e, três meses após, a mitológica Greta Garbo, aos 85 anos, no dia 15 de abril, em Nova Iorque - seu retiro desde 1941, quando abandonou voluntariamente o cinema no auge de sua carreira. Outra atriz inesquecível, Paulette Goddard - a lembrança eterna da companheira de Chaplin (que foi seu marido) em "Tempos Modernos", que morrera aos 79 anos, em 22 de abril.

Na Rosa dos Tempos, o texto é das mulheres

Os números são otimistas. Apesar de toda a crise, o mercado editorial continua a crescer, como mostram as estatísticas das editoras. Um movimento de quase um bilhão de dólares com a publicação de 10.000 títulos e cerca de 250 milhões de exemplares. Apesar do preço do livro continuar subindo, as listas de best-sellers ampliam-se.

O cinema para ler

Após anos de indigência editorial nas áreas das artes, começamos a entrar em dias melhores. Ano a ano, cresce a produção editorial de obras que se voltam ao cinema, música, teatro e artes plásticas - incluindo edições de arte. Mesmo com os tempos bicudos que enfrentamos, e, no caso de edições-brinde de obras de arte tenha havido uma natural recessão com o fim da Lei Sarney (que estimulava investimentos culturais), aliada aos rigores do Plano Collor, ainda se publicou bastante em 1990.

A lembrança dos anos de fogo no livro póstumo de Sra. Malka

Embora não exista uma atividade regular na área da resenha de livros - (em termos de crítica mais profunda, nem pensar) - alguns intelectuais e jornalistas que acompanham o movimento editorial no Paraná, como o professor Hélio de Freitas Puglielli, colaborador de O Estado do Paraná, poderão, no final do ano, para a 25ª edição do suplemento dos melhores na área artística-cultural, fazer apreciações em conjunto do que se vem publicando - em iniciativas oficiais ou privadas.

O fórum para se conhecer o país

Para quem prefere o real ao invés da ficção, a José Olympio Editora está fazendo um lançamento do maior fôlego: uma coleção reunindo os debates do Fórum nacional "Idéias para a modernização do Brasil".

"Carpe Dies", a poesia de Sérgio e os amigos

Paralelamente à produção do disco "Optimus in Habbeas Coppus", o engenheiro (e poeta) Sérgio Bittencourt também viabilizou uma coletânea de poetas paranaenses contemporâneos: "Carpe Dies" - inspirado em "A Sociedade dos Poetas Mortos" - está em fase final de produção, "dependendo apenas de um sopro de colaboração da Secretaria da Cultura para ganhar a impressão" diz Serginho, que anteriormente já havia financiado a edição de "Sete Quedas da Paixão" de Eduardo Hoffman, companheiro de corpo & versos.

Uma mostra de cartões com planejamento de marketing

Embora ainda não esteja definida qual será a próxima cidade que receberá a mostra "Celebridade & Mitos - o Mundo do Teatro em Antigos Cartões Postais" - encerrada na manhã de domingo, 15, na Casa Romário Martins - uma coisa é certa: Yolanda Roberto Marketing & Projetos Culturais Ltda., responsável pelo projeto, soube, como poucas vezes se viu, capitalizar o potencial de uma exposição realizada em espaço público.

A antropologia e sociologia para atender melhor a magia do cinema

A bibliografia de cinema em português aprofunda-se. Agora são dois ensaios com abordagens sociológicas e antropológicas da mitologia das imagens que chegam as livrarias: "As Estrelas - Mito e Sedução do Cinema", de Edgar Morin (José Olympio Editora, 162 páginas) e "Antropologia do Cinema", de Massimo Cnegacci (Editora Brasiliense, 175 páginas, segunda edição revista e aumentada).

Mulheres I: Rachel vem autografar a sua obra

Um nome maior da literatura brasileira estará na cidade dentro de um mês: Rachel de Queiroz virá no dia 18 para autografar os cinco volumes de sua obra completa, reeditada pela Editora José Olympio. A promoção é dos livreiros Tonicato Miranda e José De Biase, que com inteligência, bom relacionamento e visão cultural estão fazendo da Ipê Amarelo (Rua Comendador Araújo, 143) não só uma livraria mas um exemplar centro cultural.

No campo de batalha

Em administrações passadas, Costinha e Dercy Gonçalves nem obtinham datas no Guaíra. Hoje, uma visão mais liberal entende a importância destes artistas populares. Dercy ali esteve há algumas semanas e nesta quinta-feira é Costinha quem fará uma única apresentação de seu show "Brasil em Busca do Teatro". xxx Até outdoors foram usados pela livraria Ipê Amarelo para anunciar a presença da escritora Raquel de Queiroz hoje, a partir de 18h30, autografando a sua obra completa - cinco volumes lançados pela José Olympio. Uma promoção simpática, que merece grande cobertura. xxx
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br