Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Marieta Severo

Marieta Severo

Festival de Gramado em exibição nacional

Desde ontem o Festival de Cinema de Gramado deixou de ser um privilégio dos que vão à paradisíaca (e gelada) cidade serrana gaúcha. Numa iniciativa inédita em termos de festivais cinematográficos, a Embrafilme e a comissão organizadora daquele evento decidiram democratizar os longas em competição: assim, os filmes estão sendo apresentados simultaneamente em cinemas de nove capitais (Curitiba, Cine Lido II, 5 sessões), para que o público interessado possa, também em primeira mão, analisar a produção selecionada para disputar os Kikitos - o troféu que simboliza o festival.

Sabino na tela ganha torcidas

Gramado - Em termos de júri popular, "O Grande Mentecapto", exibido na quarta-feira, é candidato forte a levar alguns Kikitos. Mas outro filme igualmente adaptado de um texto de Fernando Sabino se impôs como outro dos favoritos ao ser projetado ontem à noite - e que hoje poderá ser visto em nove capitais brasileiras (em Curitiba, Lido II, 5 sessões): "A Faca de Dois Gumes".

Estão no laboratório os candidatos para Gramado

Dos sete filmes que estão prontos e em lançamento pela Embrafilme neste semestre, apenas dois são inéditos o suficiente para justificar sua participação no XVIII Festival do Cinema Brasileiro de Gramado: "A Faca de Dois Gumes", de Murilo Salles, baseado na novela de Fernando Sabino, com Paulo José, José Lewgoy, Marieta Severo e José de Abreu e "Jardim de Alah", de David Neves.

Barthes, a semiologia com diversas leituras

Há três anos, em Gramado, enquanto seu irmão mais velho, Luís Farias conquistava premiações pelo seu longa de estréia, "Com Licença, Eu Vou à Luta", adaptação do confessional livro de Eliane Maciel - e estrelado por Fernandinha Torres, Maurício Farias, 25 anos, também saia-se bem: "A Espera", curta adaptado de "Fragmentos de um Discurso Amoroso", era premiado em sua categoria. Marieta Severo estava no elenco dos dois filmes.

No campo de batalha

A presença do Paraná em Gramado, em termos competitivos, é indireta e curiosa. Malu Mader (Maria de Lourdes Silveira Tramujas Mader), 22 anos, é filha de um curitibano, o coronel reformado Rubens Tramujas e neta do ervateiro Hugo Mader (1889-1954), irmão mais velho de Othon Mader (1895-1974), que foi destacado homem público e senador. Malu conserva suas ligações com Curitiba - embora tenha nascido no Rio - e sempre, que pode vem visitar parentes. Em Gramado, só pôde ficar dois dias: segunda-feira voltou ao Rio, para as gravações da telenovela "Fera radical". xxx

Fortaleza agora tem o drama do financiamento

As cineastas Berenice Mendes e Lu Rufalco estão em tempo de contagem regressiva, na maior (e natural) tensão: há uma semana encaminharam a diretoria do Banestado o pedido de financiamento de Cz$ 30 milhões para complementar o orçamento de "O Drama da Fazenda Fortaleza". Um processo bem fundamentado e documentado, amparado pela aprovação da Embrafilme, que entre 240 propostas, selecionou o filme das realizadoras paranaenses entre os que merecerão financiamento de 50% da estatal - em contrato já assinado.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br