Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Michael Jackson

Michael Jackson

O R&B tupiniquim de Edmon

Dentro da crise fonográfica a necessidade de renovação de elenco, as gravadoras apostam em quem oferece alguma possibilidade. Por isto, Edmon ganha um álbum-solo pela Sony após ter seu "Coração de Gelo" catapultado na trilha sonora de "O Dono do Mundo". Carioca, 27 anos, morador da Vila Penha, é definido (exageradamente), por Adriano Sanglard, no release promocional, "a maior revelação na 'praia' do R(hytm) & B(lue) nacional - se é que se pode dizer que isso já existe no Brasil".

Quem é, afinal, mr. Ovits, o mais poderoso dos agentes de Hollywood

A divulgação na página de domingo sobre as 100 pessoas mais poderosas na Hollywood dos anos 90, conforme o levantamento da revista "Premiére", em sua edição de maio, fez com que mesmo os mais atualizados cinéfilos ficassem surpresos com o nome do homem que, entretanto pela primeira vez neste power poll da indústria do entretenimento visual, conseguiu o primeiro lugar: o superagente Michael S. Ovitz.

Marketing - Sony contrata Edson, associa-se a Bloch e lança o "picture disc"

Vindo de uma longa experiência na área do marketing, o novo presidente da Sony (ex-CBS) no Brasil, Roberto Augusto, compensa sua juventude com uma extraordinária visão do mercado fonográfico e, especialmente, sensibilidade para a área da comunicação. Começou fazendo várias modificações e tomando iniciativas que devem resultar em grandes lucros à multinacional. Assim é que venceu a corrida com outras gravadoras e contratou o novo cult-singer, Edson Cordeiro que mesmo sem ter gravado já é um superstar.

"Moonwalker", um videoclip para os fãs de Mr. Jackson

O primeiro grande lançamento de 1989, em termos de público, chegou ontem em dezenas de cinemas de todo o país: "Moonwalker", um videoclip de longa-metragem que Michael Jackson produziu, escreveu e estrelou. Megalomaníaco, preocupado com a concorrência cinematográfica que Prince lhe vem fazendo, Jackson decidiu voltar num filme destinado ao seu público que pouco exige. Assim, não há muita preocupação pelo roteiro - desenvolvido a partir de um texto que ele próprio teria (teria?

Robot, musical e Alien nas estréias da semana

O carnaval acabou e, afinal, vamos começar a falar sério. Está na hora da programação melhorar - pois o Oscar acontece dentro de algumas semanas e as majors - as grandes distribuidoras/produtoras - aguardam apenas que no próximo dia 24, em Los Angeles, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas reúna a imprensa internacional em sua magnífica sede na Wilshure Avenue, em Los Angeles, para anunciar os filmes nominados ao boneco dourado, para começar a corrida de lançamentos dos mesmos no Brasil.

Gil, deus da Mu dança num momento harmonioso

Aos 47 anos - a serem devidamente comemorados na terça-feira, 27 de junho, Gilberto (Passos) Gil (Moreira) começa a se livrar daquela síndrome de Peter Pan. Em sua inegável criatividade e ligação com o que há de novo no mundo musical, Gil, desde 1963 - quando fez sua primeira música ("Felicidade Vem Depois", 1963, um samba bossa-nova ao estilo de seu ídolo João Gilberto) sempre esteve antenado com o novo.

Milton & Djavan, para muito ouvir e refletir

Final de ano, temporada dos discos mais importantes - em termos comerciais e artísticos. "Francisco", o novo álbum de Chico Buarque, agora na RCA, está saindo em seqüência aos lps de Martinho da Vila e Alcione, outros campeões de vendagem - afora Nelson Gonçalves, Luiz Gonzaga e Beth Carvalho. A Polygram vem de "Caetano", enquanto a CBS tem o creme-do-creme com o aguardadíssimo álbum de estréia de Milton Nascimento ("Yauaruetê") e Djavan ("Não é Azul Mas é Mar"), com mais algumas jóias de ourives sonoro que este alagoano é mestre.

Os bons estão voltando

Entre uma produção extremamente descartável, com muito lixo imposto nas lojas, há entretanto, alguns discos que podem ser ouvidos sem maiores dores auditivas. Eis alguns exemplos.

Geléia Geral

Michael Jackson merece mais apreciações em espaços que se dedicam a análises de publicidade e marketing (que tal, Silvia Dias, um approach em seu suplemento sobre comunicação, aqui mesmo em O Estado), do que em páginas musicais. Isto porque, raras vezes um produto foi tão bem embalado, em termos de consumo, do que este cantor-compositor que voltando a gravar após 5 anos, fez um lançamento mundial e simultâneo do seu novo lp ("BAD", CBS), precedido da mais intensa campanha promocional já feita. As músicas?
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br