Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Teatro Guaíra

Teatro Guaíra

Um pioneiro no vídeo

Nove documentários de curta e média-metragens de Syvio Back estão sendo lançados em vídeo, como também o livreto "No Cinema Inoculado" - uma edição de 1500 exemplares a propósito de lançamento dos documentários, reunidos em 3 módulos de cerca de 75 minutos cada um. A publicação e o lançamento de documentários em vídeo são inéditos no país. A iniciativa, da CDI - Cinema Distribuição Independente, de São Paulo, abre o inédito projeto "Cinevídeo", que visa, com apoio da Fundação Ford, tornar acessível em vídeo a melhor produção de documentários brasileiros.

E na noite dos carangueijos o vento levou o teto do Guairão

Para uma futura história do teatro do Paraná, nos aspectos pitorescos do Guaíra: na noite de sexta-feira, 13 de janeiro (só faltava ser agosto) o auditório Bento Munhoz da Rocha Neto foi alugado por 32 OTN's para a solenidade de formatura da Faculdade De Plácido e Silva.

No campo de batalha

O secretário René Dotti, da Cultura, até no último sábado ainda não tinha uma decisão sobre quem vai colocar no cargo de diretora de arte e programação da fundação Teatro Guaíra, vago desde que Lúcia Camargo, foi nomeada pelo prefeito Jaime Lerner para a Secretaria Municipal de Cultura/Fucucu. xxx Um dos candidatos mais fortes é o simpático advogado Paulo Roberto Ferreira Motta, que ontem à noite foi um dos 12 diplomados no curso de Artes Cênicas da FTG/ Pontifícia Universidade Católica. xxx

Em livros, o som da melhor música

Não há motivos para queixas! Pouco a pouco a bibliografia de nossa música vai se ampliando com lançamentos que vão desde contribuições modestas até projetos ambiciosos e caros como os patrocinados pela Construtora Carioca (livro e disco sobre Vinícius de Moraes) e o Banco Chase Manhattan ("Brasil Musical - Viagem pelos Sons e Ritmos Populares"), que merecerão futuros (e detalhados) registros.

No campo de batalha

Mais três agências de publicidade entrando no mercado: a SVT Comunicação, de Hulda Subtil de Oliveira (Rua Clotário Portugal, 215, fone 222- 5721) e a CRC Comunicações, de Maria Aparecida Ribas Lemos (Rua Barão do Rio Branco, 63, 12º) em Curitiba; a Modo Produção e Comunicação (Avenida Luiz Teixeira Mendes, 1301) em Maringá. xxx Já a Forma Livre, de Londrina, sofrendo alterações: Wagner Morena Casian deixou a empresa, agora apenas de Hugo Aurélio de Faveli. xxx

No campo de batalha

A temporada de "Eu, Feuerbach", de Tankred Dorst (auditório Bento Munhoz da Rocha Neto, hoje, 21 horas: dias 21 a 26, 29 a 31), marca uma nova faceta do talentoso Adriano Távora: a de tradutor. Surpreendendo a todos, o primogênito de Maurício Távora, mostra que aprendeu bem o alemão no Goethe Institut e fez uma boa tradução do complicado texto de Dorst. xxx

O discurso amoroso com o marketing de Fagundes

É uma pena que certas promoções culturais não aconteçam com maior planejamento: a temporada de "Fragmentos de um Discurso Amoroso" (Auditório Bento Munhoz da Rocha Neto, 27 a 31 de outubro, 21 horas, ingressos entre Cz$ 2.500,00 a Cz$ 1.500,00) poderia ser uma motivação para que fossem exibidos nesta semana dois interessantíssimos filmes realizados com base também no texto de Roland Barthes - "A Espera", de Maurício Farias e "Carlota / Amorosidade", de Adilson Ruiz - e, por que não!

Buarqueanas...

Verinha Wal-Flor, 37 anos, 18 de atividades ligadas a produção e promoção de eventos artísticos, desembolsou nesta semana mais de Cz$ 100 mil na compra de ingressos para o show "Francisco" (Teatro Guaíra, ontem). Foi a única forma que encontrou para atender aos jornalistas que há anos lhe prestigiam e que a procuraram pedindo entradas para a única apresentação do show de Chico Buarque de Holanda.

"Gralha Azul" canta terça no Guairinha

Terça-feira, 20, o último lançamento de 1988 patrocinado pela Secretaria da Cultura: com um show em que participarão vários artistas paranaenses, liderados por Alecir de Antonina, estará sendo apresentada a reedição do lp "Gralha Azul - Folclore Paranaense". (Teatro Guaíra, 19h, entrada gratuita). xxx

Lúcia, o poder na cultura curitibana

Homem de hábitos espartanos, o secretário René Dotti acorda às 6:30 da manhã e antes mesmo do café já lê os jornais da cidade. Ontem, pela manhã, surpreendeu-se ao ler em O Estado notícia de que dá como certa a escolha da professora Lúcia Camargo para a Secretaria Municipal da Cultura. Afinal, retornando de viagem ao Rio de Janeiro, o secretário da Cultura desconhecia o fato da diretora de Arte e Programação da FTG ter sido ungida como o nome mais forte para suceder ao advogado Carlos Frederico Marés de Souza no comando da política cultural da capital. xxx
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br