Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Jair Mendes

Jair Mendes

Artigo em 08.04.1992

Fabiano Carlos Zenin, 18 anos, levou um susto há alguns dias, quando reconheceu num simpático cavalheiro, de bigodes finos, que o aplaudia numa das mesas do La [Cibeles]. Era o violonista que ele mais admira - Paulinho Nogueira. Quis homenageá-lo com "Bachaninha Nº 1 " mas ficou tão nervoso que errou na harmonia, o que não impediu de ganhar elogios de Paulinho e da cantora Alaíde Costa, que à noite, no show que fizeram no Paiol, citaram Fabiano com destaque. xxx

Juarez, o anfitrião de Requião em Paris

O próspero marchand-de-tablaux e arquiteto Waldir Assis telefonou para o seu amigo Juarez Machado, em Paris, na semana passada e surpreendeu-se com uma voz diferente, atendendo ao telefone: - "Monsieur Juarez Machado não está. Quem fala é o mordomo".

A nostalgia colorida dos tempos de Juarez

Paisagens tipicamente curitibanas, com pinheiros recriados de uma maneira muito pessoal, estão nos quadros que compõe a mais recente individual de Juarez Machado - apropriadamente chamada de "Parfum: Memoire", inaugurada no último dia 12, no Gaymu Inter Art Galerie / Art Contemporain Latin Américani (8, Passage, Thiére 75011, Paris), que estará aberta até o dia 11 de maio.

"Carpe Dies", a poesia de Sérgio e os amigos

Paralelamente à produção do disco "Optimus in Habbeas Coppus", o engenheiro (e poeta) Sérgio Bittencourt também viabilizou uma coletânea de poetas paranaenses contemporâneos: "Carpe Dies" - inspirado em "A Sociedade dos Poetas Mortos" - está em fase final de produção, "dependendo apenas de um sopro de colaboração da Secretaria da Cultura para ganhar a impressão" diz Serginho, que anteriormente já havia financiado a edição de "Sete Quedas da Paixão" de Eduardo Hoffman, companheiro de corpo & versos.

Palito, Bolinha, Schulmann e Pabala nas imagens do FestRio

Rio de Janeiro (De Aramis Millarch, especial para O Estado do Paraná) - Desta vez o Paraná está presente. Ao contrário do que aocnteceu timidamente no último Festival de Gramado - no qual o curta "Vamos Juntos Comer Defunto", de Eloi Ferreira, mesmo selecionado para a competição em 35mm, passou despercebido - e no recente Festival do Cinema Brasileiro de Brasília da qual a nossa ausência foi total - agora, na edição do RioCine Festival, inaugurado na última quinta-feira, 15, temos alguns representantes.

São Paulo terá 11 "teatros Barracão"

As boas idéias fazem escola: Na última terça-feira, 5, numa viagem ultra-rápida a São Paulo, o secretário René Dotti, da Cultura, e o superintendente da Fundação Teatro Guaíra, Constantino Viaro, ouviram da secretária da Cultura do município, professora e filósofa Marilena Chauí, a confirmação de que não apenas o Teatro Barracão, proposto informalmente por Viaro, será erguido numa praça na Vila Mariana, como a Prefeitura, entusiasmada com o projeto, decidiu, por sua conta, bancar o projeto para fazer 10 outras unidades semelhantes em diferentes pontos da cidade.

Pintando o 7

Depois de uma individual de Fernando Velloso, a ArteStil reuniu mais dois pintores da mesma geração: Jair Mendes e Domício Pedroso. Pena que o casal de marchand, Sérgio e Lilian Cabral, não tivessem dado o título de "30 mais 30 mais 30" para a mostra. Explica-se: tanto Jair como Domício estão comemorando 30 anos de atividades profissionais, já que começaram a atuar no mercado em 1959. E cada um expõe 15 telas nesta individual. xxx

No campo de batalha

Hermano Penna, 44 anos, diretor de "Fronteira das Almas" (Cine Ritz, a partir de hoje) já concluiu o primeiro tratamento no roteiro de seu próximo filme - "Arremate dos Males". Explica: "será um filme sobre a cultura popular, focando um grupo de artistas numa pequena cidade do Interior". As filmagens serão possivelmente em algum ponto da Amazônia - cenário que fascina Penna ("Fronteira..." foi rodado em Rondônia, há três anos). ***

"Gralha Azul" canta terça no Guairinha

Terça-feira, 20, o último lançamento de 1988 patrocinado pela Secretaria da Cultura: com um show em que participarão vários artistas paranaenses, liderados por Alecir de Antonina, estará sendo apresentada a reedição do lp "Gralha Azul - Folclore Paranaense". (Teatro Guaíra, 19h, entrada gratuita). xxx

As mensagens de (Feliz) Natal

A Global Editora, de São Paulo - especializada em obras de autores de esquerda - distribuiu um cartão no qual está clara sua ideologia, com uma passeata no qual brilham as bandeiras do PSB, PCB, PDT, PT e até do movimento feminista. Outra editora - a Sigla - usa um cartão dobrado com a frase "A gente só muda o Brasil se usar a força". Abrindo-se, a receita: A força do trabalho/ A força da honestidade/ A força do amor/ A força da verdade/ A força da amizade/ A força da união/ A força da solidariedade/ A força do humor/ A força do voto/ A força de vontade. xxx
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br