Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS PRB

PRB

As cantoras que fazem a grande noite do Aluada

Apesar das reduzidíssimas chances de profissionalização musical no Paraná, uma nova safra de cantoras vem se revelando graças a abertura de um dos mais agradáveis espaços noturnos - o Aluada Café Concerto (Rua Mateus Leme, 1201). Tendo a felicidade de ter escolhido como diretor musical de sua casa um dos mais competentes músicos da cidade, Gerson Bietinez, 44 anos, o empresário Hamilton Marquês vê, há 3 meses, sua casa com todas as 20 mesas lotadas todas as noites, "Mesmo com as férias e os feriadões" comenta sua esposa, a poeta Ana Cristina. xxx

Wanderley, sem lágrimas, o homem, o profissional e uma oração testamento de Adeus!

"A Morte é a grande pergunta e a final e grande resposta de todos os credos... "(José Wanderley Dias, em sua última crônica. "Quando eu morrer", coluna "A Vista do Meu Ponto", página 5, 1º caderno, edição de ontem, 10/07/92, da "Gazeta do Povo"). Ontem, perla manhã, ao ler meus textos em O Estado do Paraná, deparando-me com habituais erros de imprensa - frases cortadas, palavras modificadas, pequenos empastelamentos, lembrei-me de Wanderley Dias. "Ao menos ele, deve estar aumentando seus álbuns de enganos de imprensa..."

Os tempos da Clube, da pensão Esplanada e do terno "Talismã"

Dentro da história do rádio paranaense, Milton Luiz Pereira é sempre lembrado não apenas como uma das vozes mais bonitas que passou pela PRB-2, Emissora e Curitibana, entre outros prefixos, mas como o exemplo de uma época em que, posteriormente, se destacariam em diferentes campos de atividade.

As talentosas crianças dos tempos do Clube Mirim-M-5

Houve uma época em que as crianças não eram obrigadas a se submeter a tirania de uma televisão que impõe olho abaixo a cultura Xuxa & similares. Sim, houve uma época em que as próprias crianças - libertas de um colonialismo consumista e culturalmente alienado com o marketing dos nossos dias impõe de uma forma selvagem - tinham oportunidade de mostrar criatividade e talento expontâneo.

Nos novos tempos do rádio, comunicadores e a política

Anotem este nome: Ney Leprevost. Confiram dentro de algum tempo! Está nascendo um novo comunicador-político que aos 17 anos já ensaia seu primeiro vôo eleitoral: a Câmara de Curitiba. A opinião é de experientes comunicólogos, impressionados com a facilidade com que este adolescente vem mostrando, de segunda a sexta-feira, das 15 às 16 horas, num dos programas que apesar do horário perverso está obtendo ótima audiência para a AM-Difusora, 590 a antiga Ouro Verde.

No campo de batalha

Tonicatto Miranda, ex-assessor do Ministério dos Transportes, animador cultural, poeta e que em 13 de maio de 1989, associado a José de Biasi, havia inaugurado uma simpática livraria na Rua Comendador Araújo - Ipê Amarelo - afastou-se da sociedade. Dedica-se agora em tempo integral à assessoria da vereadora Zélia Passos (PT). Sua competência já ajudou em vários projetos que tem contado pontos para a liderança de Zélia como uma de nossas melhores vereadoras. xxx

Os bons tempos da Clube, Guairacá, Marumby, Colombo e outros prefixos

A nossa pioneira "Clube" - a PRB-2, Radio Clube Paranaense, cujas primeiras transmissões foram ao ar numa fria noite de 27 de junho de 1924 - num pioneirismo de um grupo de paranaenses que colocou a novidade praticamente ao mesmo tempo que acontecia o início efetivo das rádios do Rio de Janeiro e Pernambuco - a próxima Rádio Exclusiva, a 13ª FM que entrará no ar dentro de seis semanas (elevando o número de rádios para 26, somente em Curitiba) muita coisa mudou.

Mário Celso, o sabor de 72 horas no poder

Ao transmitir ontem o cargo de prefeito interino para o deputado Algaci Túlio, o vereador Mário Celso completou apenas 72 horas na chefia do Executivo. Aparentemente, uma substituição quase simbólica, pois assim como o vice prefeito Tulio, assumindom por suas semanas, durante a viagem de Jaime Lerner à Escandinávia, já tem limitada a sua ação, nem se cogita que em apenas três dias úteis, alguém possa personalizar qualquer ato na máquina administrativa.

Josué e Zequinha, réquiem para músicos da província

Paralelamente ao crescimento da bibliografia da música brasileira, estimulada com o fato de que os dois mais importantes livros lançados em 1990 - "Chega de Saudade - A História e as Estórias da Bossa Nova" de Ruy Castro (Companhia das Letras, 463 páginas) e Noel Rosa: Uma Biografia" de João Máximo e Carlos Didier (Editora da Universidade de Brasília, 533 páginas) estarem tendo sucessivas edições esgotadas - acontecem também publicações menos badaladas - mas igualmente importantes.

A estranha política dos lançamentos nos cinemas

Os números caminham para uma progressão geométrica: do solitários 114 espectadores registrados no barderaux na estréia (31 de maio), no domingo, já passavam de 900 e a tendência é aumentar - já que com o ingresso mais reduzido (Cr$ 100,00) de segunda a quinta-feira, o hábito de frequentar os cinemas se encontra no meio da semana - e não mais nos finais, como acontecia antes.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br