Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Francisco Alves dos Santos

Francisco Alves dos Santos

Os curtas e médias que não chegam aos cinemas

Como Francisco Alves dos Santos e Geraldo Pioli, do setor de cinema da Fucucu, estiveram em Gramado, assistindo o festival, é de se esperar que já tenham agilizada a inclusão de Curitiba no roteiro das salas especiais em que serão exibidos os curtas e médias, em 16 e 35mm, que ali foram levados. Nos próximos dias, no Cine Clube Estação Botafogo (Rio de Janeiro) e no Museu de Imagem e do Som (São Paulo) os interessantes filmes, nestas metragens, poderão ser vistos pelos interessados. Complementa-se assim, ao menos para os cinéfilos cariocas e paulistas (e Curitiba, como fica?

Estudantes de Direito inauguram cineclube

Inaugura hoje, às 20 horas, no salão nobre da Faculdade de Direito de Curitiba, com o apoio das secretarias de Cultura do Paraná e de Curitiba, o Cineclube Sylvio Back.

É fogo o desperdício de um material sério

Era a grande esperança em torno de "Deus é um Fogo" (Cine Groff, até amanhã, 5 sessões). Afinal o diretor Geraldo Sarno apesar de uma carreira bissexta, teve boa experiência na área do documentário e fez uma digna transposição à tela do empresário nacionalista Delmiro Gouveia, assassinado em 1919 por grupos multinacionais que viam com preocupação sua ação em favor da industrialização independente no Nordeste.

Os filmes de Babenco e Andrei, com retrospectiva brasileira

Inesperadamente, um dos 10 melhores filmes do do ano estreou na cidade: "Ironweed", de Hector Babenco - até agora só lançado em São Paulo e que há exatamente uma semana, teve uma mostra hors-concours, no cine Art Copacabana, durante o V Fest Rio.

Um festival do real sem estrelismos

Salvador - Não há mais estrelas globais, rostos famosos, e mesmo belas "panteras" nas sessões. Ao contrário, as sessões acontecem em salas modestas, na maioria dos filmes projetados em 16 milímetros. A cobertura jornalística e da televisão é mínima. Os jornais nacionais ignoram e até a imprensa local dá pouco espaço. Entretanto, ininterruptamente, a Jornada Internacional de Cinema da Bahia, acontece desde 1972, com um prestígio cada vez maior.

Espaços alternativos e direitos humanos em discussão na Jornada

Salvador - O mais importante documentário realizado no Brasil nos últimos anos sobre a questão cultural, "Memória Viva", de Octávio Bezerra, premiado no IV FestRio, continua inédito quase um ano após ter sido aplaudido pelos que o assistiram na única exibição realizada no Hotel Nacional. Bezerra, 44 anos, mostra-se revoltado com a Embrafilme: - "Não existe o menor plano de lançamento para este filme, nem para tantos outros projetos especiais, que ficam bloqueados devido à incompetência da empresa em sua área de comercialização".

"Kozák" volta de Salvador com mais duas premiações

Salvador - Mais dois prêmios para o "O Mundo Perdido de Kozák". Agora foram dois Tatus, prêmios da XVII Jornada de Cinema da Bahia, encerrada na noite de quarta-feira, 14 - e que vieram se somar ao Kikito de melhor roteiro (XVI Festival do Cinema Brasileiro de Gramado, junho/88) e aos dois Sol de Prata (melhor filme curta, melhor direção) e troféu Macunaíma (melhor filme do festival) no IV Rio-Cine Festival (Rio de Janeiro, agosto/88), as premiações que Fernando Severo vem obtendo com suas homenagens ao cineasta Vlademir Kozák (1897-1979).

Em sua data, o filme sobre N. S. Aparecida

Para coincidir com a data em que o Brasil reverencia sua padroeira, N. S. Aparecida (12 de outubro), o ex-seminarista e hoje programador dos cinemas da Fucucu, Francisco Alves dos Santos, interrompe a carreira de "Setembro" (1988, de Woody Allen) e lança hoje (Cine Luz, 5 sessões) "O Milagre das Águas".

Uma Jornada com múltiplas opções

Da modesta I Jornada Baiana de curta-Metragem, que Guido Araújo idealizou "como uma tentativa de restituir ao cinema da Bahia a vitalidade que este havia possuído durante a década de 60" - realizada entre 13 e 16 de janeiro de 1972, com apenas seis filmes (super 8 /16mm) inscritos, a esta XVII Jornada de Cinema da Bahia - acoplada ao IV Concurso de Filme e Vídeo Latino-Americano, a produção cresceu e se consolidou.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br