Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Livraria José Olympio Editora

Livraria José Olympio Editora

No campo de batalha

O Clube do Livro tem feito edições das mais interessantes. É o caso de "Jônetsu - A Terceira Cor da Paixão" no qual Ana Suzuki faz aquilo que se pode chamar de "o romance da imigração japonesa". Dentro das comemorações dos 80 anos de imigração de seu povo, Ana juntou dois personagens - um da ilha de Okinawa, no Japão e outro da Lituânia, uma das 15 repúblicas soviéticas, para contar a história de uma família descendente de japoneses-lituanos em Ubatuba. Ana Suzuki já havia publicado "O Jardim Japonês", também se voltando à temática da imigração de seu povo. ***

No campo de batalha

Os funcionários da Fundacem e Funarte continuam organizadíssimos na resistência para evitar demissões em massa nestas fundações do Ministério da Cultura. Amplo material sobre o ato de protesto promovido dia 14, na Cinelândia, Rio de Janeiro, foi distribuído nacionalmente. ***

O marketing de Adherbal e liberalismo de Maciel

O jornalista Adherbal Fortes de Sá Júnior está retornando dos Estados Unidos trazendo em sua bagagem algumas horas de gravações de entrevistas com alguns dos maiores experts em marketing político. Complementou, assim, um trabalho iniciado já há dois anos, quando começou a ouvir executivos na área da comunicação e marketing dos Partidos Republicano e Democrático, além de consultores e especialistas independentes, baseados em diferentes Estados, para um projeto que em breve ganhará forma de livro: um estudo-manual sobre técnicas de se ganhar eleições.

Em sua autobiografia, Autran chegou aos tempos de ginásio

Embora ocupado com a produção de "A Vida de Galileu Galilei" - que o manteve em Curitiba nos últimos quatro meses - e, sempre gentil e solícito, tenha também comparecido a uma série de reuniões sociais oferecidas por amigos e admiradores da cidade, Paulo Autran tentou, nas horas que lhe sobraram, na tranqüilidade do Hotel Mabu, levar adiante um projeto que há tempos lhe vem desafiando: escrever suas memórias.

No campo de batalha

Idealizador do projeto Teatro Barracão, cujo protótipo inaugurado em Maringá na semana passada, mereceu divulgação nacional, Constantino Viaro está, com toda razão, feliz da vida. No Rio Grande do Norte e Sergipe, mais de 20 unidades, no mesmo sistema, estão sendo construídas, utilizando matéria prima da região, dentro da forma simples, econômica e rápida com que Constantino concebeu esta forma de espalhar teatros pelo Paraná. xxx

Temístocles, presidente da Copel, quem imagina?

Pouquíssimas pessoas imaginariam que Temístocles Linhares, 84 anos (completados no último dia 11 de fevereiro), que ao lado do professor Wilson Martins (há 15 anos residindo em Nova Iorque) o mais notável crítico literário do Paraná (e um dos grandes nomes nacionais), foi o primeiro presidente da Companhia Paranaense de Energia Elétrica.

Uma Cinemateca verde amarela nas locadoras

Pode ser que não sejam procuradas como seria desejável, mas há muitas opções interessantes de filmes brasileiros nas locadoras. Tendo que cumprir o decreto de reserva de espaço para os filmes nacionais nos pacotes mensais, as distribuidoras buscam o que há de disponível - e assim, pouco a pouco, vamos tendo filmes realizados nos anos 50 a 70, reeditados e que, de outra forma, permaneceriam inéditos, de toda uma nova geração.

A ficção com a boa imagem

O projeto ainda está em sigilo - pois pode até nem dar certo. Um veterano jornalismo, com pendores literários e, hoje na tranqüilidade de uma semi-aposentadoria, está pensando em desenvolver uma novela com toques autobiográficos, tendo por título e tema central o tradicional Bar-Restaurante Palácio.

No campo de batalha

Nos pioneiros tempos da televisão do Paraná em que os programas ao vivo eram transmitidos de uma kitchnette do 12º andar do Edifício Tijucas, uma cantora de formação lírica mas que agradava com música folclórica, tornava-se popular perante os poucos curitibanos que possuíam aparelhos de televisão: Rita Eliana. xxx

Memórias de Chaplin, "Cocktail" e Vietnã

Como é mês de férias e de poucas opções no circuito comercial, aproveite e leia livros ligados ao cinema. Como sempre, há lançamentos interessantes, ampliando a bibliografia especializada.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br