Login do usuário

Aramis
Conteúdo sindicalizado RSS Maria Bethânia

Maria Bethânia

Geléia Geral

A prosperidade fonográfica está sendo tão grande neste 1986 post-Cruzado, com vendas acima do que previam os mais otimistas diretores de marketing das gravadoras, que novos produtos - como os artistas são tratados na linguagem fria dos executivos do setor - são mensalmente lançados na praça. Os que vendem tem caminho aberto para as novas produções, enquanto aqueles que empacam não chegam a abalar as finanças das gravadoras.

Simone, o esquema branco do sucesso

Simone, suprestar que une a bonita voz com extrema sensualidade ( quase sempre em branco), como mostrou, há pouco mais de um mês, na inauguração do Palace, a exemplo de um Roberto Carlos, é hoje prisioneira de seu próprio sucesso. Representando investimento de milhões de cruzeiros para CBS, tem que obedecer a rígidos esquemas de produção, especialmente no que diz respeito ao seus discosanuais.

Tom Zé, tributo para o baiano tropicalista

"Eu sofro de juventude Essa coisa maldita Que quando está quase pronta Desmorona e se frita"

Geléia Geral

Aos 66 anos, quase 50 de carreira, Nelson Gonçalves, gaúcho de Livramento não pára. Mais de 100 lps gravados - metade dos quais ainda em catálogo para bom faturamento da RCAu - NG é daqueles cantores que faz um disco em poucas horas, da forma mais econômica. Com isto, tem centenas de fitas ainda inéditas, material suficiente - como ele próprio diz - para seus [discos] continuarem a serem lançados, regularmente, até o ano 2.000 - temas aliás de uma das músicas de seu inseparável parceiro, compositor favorito e empresário - Adelino Moreira.

Estrela de Clarice

Entre os livros de melhor tratamento visual lançados em 1984 encontra-se a 7ª edição de "A Hora da Estrela", de Clarice Lispector (1925-1977). Após seis edições pela José Olympio, a Nova Fronteira reeditou este romance justamente no momento em que a cantora Maria Bethânia estreava o seu espetáculo musical inspirado no mundo literário de Clarice. E a capa do romance traz uma belíssima montagem em que um rosto colorido da inesquecível Marilyn Monroe aparece num canto de janela de uma casa humilde - em que, em preto e branco, figura uma anônima mulher.

Lupe, em disco e livro

Os dez anos da morte de Lupicínio Rodrigues (1914 -1974) não tiveram as comemorações merecidas. A data - 27 de agosto - deveria ter sido lembrada com maior vigor, já que Lupe está entre os melhores compositores populares de todos os tempos. Entretanto, para que não passasse totalmente desapercebido a efeméride, dois lançamentos: um disco ("Grandes Mestres - Lupicínio Rodrigues", Polygram/SBT) e o livro de Mario Goulart, dentro do pacote inaugural da coleção "Esses Gaúchos" (Tchê Editora de Bombacha/Rede Brasil Sul, 102 páginas, Cr$ 5.000,00).

Estas cantoras maravilhosas...

Uma temporada exceicente em termos de vozes femininas-provocado que o canto é das mulheres. Enquanto não saem os discos das superstar Simone, Maria Bethânia e Beth Carvalho - e o de Zizi Possi ainda não começa a ser divulgado, temos outras (excelentes) opções.

Veja o filme e guarde a música.

Veja o filme e guarde a música, já que as imagens pelo videocassete são ainda privilégio de uma minoria que dispõe de Cr$ 200 mil para comprá-los e Cr$ 10 mil para cada cópia de filme. Entre as trilhas sonoras colocadas no mercado, nas últimas semanas, eis cinco indicações.

Artigo em 31.08.1981

Até agora, passados cinco meses deste magro (em termos fonográficos) 1981, poucos dos lançamentos feitos pelas fábricas, mereciam, numa análise mais rigorosa, a categoria de "discos do ano" - capazes de serem selecionados para a escolha dos melhores, em dezembro próximo. Felizmente agora começam a aparecer discos da melhor música brasileira, produzidos com esmero, cuidado e que, tranquilamente, justificam a nossa adjetivação.
© 1996-2016. tabloide digital - 35 anos de jornalismo sob a ótica de Aramis Millarch - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Altermedia.com.br